Skip to main content

Quanto custa viajar à Europa – parte III

Afinal, quanto custa viajar para a Europa? Parte III.

No primeiro post (leia aqui), publiquei o custo aproximado de uma viagem que fiz à Europa em janeiro-fevereiro deste ano.  Já no segundo (leia aqui), citei as providências que me ajudaram no controle das despesas. Falo agora de alguns detalhes que podem repelir a gastança desenfreada e reduzir um pouco mais seu orçamento de viagem.

  1. Aproveite as promoções aéreas. Nada mais racional que comprar a passagem quando ela está em promoção. Há ótimos sites de viagens tratando do assunto e já escrevi aqui sobre isso, inclusive. O Melhores Destinos e o Passagens Imperdíveis publicam as dezenas de ofertas lançadas pela Cias. aéreas. Você mesmo pode acompanhar o ritmo das promoções, pesquisando diariamente nos buscadores (veja como fazer aqui).
  2. Fuja da alta temporada. Janeiro, fevereiro, julho e agosto são meses recorrentes para quem deseja viajar. Se possível, faça sua trip em outras épocas do ano. As melhores promoções aéreas estão por ali.
  3. Reserve hotéis mais em conta. É um jeito sensacional de economizar, se seu orçamento não lhe permite o hotel cinco estrelas próximo às principais atrações de seu destino. Há limite nesta conta, pois é difícil aceitar um quarto de hotel sujo ou de higiene duvidosa. Na Europa, os hostels têm preços convidativos e ambiente agradável, mas nem sempre são recomendados para uma família com filhos, onde a privacidade conta muito. Mas não deixe de pesquisar no Booking (cujo acesso também pode ser feito pelo banner na coluna da direita aqui do nosso blog) para encontrar o preço que mais se encaixa no seu orçamento. Uma coisa é muito importante: jamais deixe de observar se há transporte público nas proximidades. Veja como escolher hospedagem aqui.
  4. Faça sua própria comida. É o terceiro item mais caro de uma viagem convencional. Se estiver em um apartamento, evite tanto quanto puder o restaurante e só recorra a ele nos passeios mais distantes, quando o retorno ao apartamento durante o dia é impraticável.
  5. Aproveite seus pontos no cartão de crédito. E não só com passagens aéreas. Muitos acreditam que o programa de pontos do cartão de crédito é exclusivo para uso com milhas aéreas ou para trocar pelas quinquilharias disponíveis nos sites das empresas de recompensa. Nada contra, mas eu acho que os preciosos pontinhos acumulados ao longo de um bom tempo poderiam ter melhor destino: hospedagem. Sim, os pontos transferidos para alguns programas de recompensa, se transferidos para o programa de fidelidade Leclub Accorhotels (dona, entre outras, da marca Ibis), são convertidos em Euros e dão direito a bons descontos nas hospedagens em inúmeras partes do mundo. Gasta-se bem menos.
  6. Não alugue uma van, mas dois pequenos carros. Se o grupo for grande, dê preferência à locação de dois veículos, ao invés de um único. Veículos grandes têm custo alto de locação e, exceto pelas circunstâncias, evite-os. Faça a cotação em várias empresas locadoras. Este site é muito prático, pois faz essa cotação para você.
  7. Trem. Viajar de trem, para mim, é prazeroso, além de muito prático. Não há check-in, filas de espera, despacho de bagagem e outras chatices típicas de aeroportos. É comum haver promoções, as quais são descobertas pelo rastreamento constante nos sites de venda eletrônica. Um bom site de informações é tremeuropa (clique aqui).

Não é possível afirmar com certeza o quanto de economia seria possível com a adoção das sugestões, mas não deixe de considerá-las na sua próxima viagem.

Confira os outros dois posts sobre quanto custa viajar para a Europa (aqui e aqui), e comece a planejar já a sua ida até este maravilhoso continente, percebendo que não é impossível ir para lá.

Agora que você já sabe quanto custa viajar para a Europa e que é possível economizar e muito em uma viagem, não fique por fora das outras novidades e promoções do Mapa na Mão:

  • Entra lá no Facebook, curta nossa página e convide amigos para curtir também: Mapa na Mão
  • Inscreva-se em nosso canal do YouTube: Mapa na Mão
  • Siga nosso Instagram: @mapanamao
  • E inscreva-se no nosso blog ali ao lado onde está escrito: ASSINE NOSSO BLOG

Outra forma de ajudar você a economizar nas suas próximas viagens, é disponibilizar os links de pesquisa abaixo:

Hotel ou apartamento: reserve o seu por este link no Booking.

Aluguel de carro: reserve no Rentalcars.

Seguro Viagem: faça o seu aqui.

Todos os sites acima, Booking, Rentalcar e Real Seguro Viagem, fazem cotações em diversas empresas, garantindo assim, melhores preços e opções para todos os gostos e gastos. E o melhor: reservando seu hotel, alugando seu carro, ou fazendo seu seguro pelo nosso blog, você não paga nada a mais por isso e contribui conosco para continuarmos a trazer novidades para você!

Você pode salvar este texto no seu Pinterest para futuras consultas, pinando a foto abaixo:

Dilamar.

Oi! Tem alguma dúvida, sugestão, dica ou comentário, deixe aqui para nós e viajemos juntos!

%d blogueiros gostam disto: