Skip to main content

Onde comer barato em Copenhague – Dinamarca

Eu contei neste post de o que fazer em Copenhague em 2 dias, a minha saga em incluir esta cidade na nossa última viagem, pois eu era louca para conhecê-la. Destino incluído, começamos os estudos do local e daqui mesmo do Brasil descobrimos que a Dinamarca não é um lugar barato. Muito pelo contrário, pode ser bem carinho. Mas vocês nos conhecem, né? Nós temos um super faro mão de vaca que não falha, kkkkkk. E logo que pisamos por lá, já descobrimos onde comer barato em Copenhague. Queres saber também?

Onde comer barato em Copenhague:

Bom, como comecei falando, assim como detectamos já aqui no Brasil nas nossas pesquisas que a Dinamarca é carinha, ao pisarmos lá, nos assustamos com o preço das coisas. Uma, porque 1 real vale aproximadamente 0,45 centavos de coroa dinamarquesa. Logo, a maioria dos produtos nas vitrines possuem 3 dígitos ou mais e isto já assustou de cara, hehehehe. Mas não só pela moeda em si. Os produtos e restaurantes não são mesmo nada baratos.

Mas não é que estávamos passeando bem felizes no centro da cidade, pela rua Stroget, e encontramos um homem com uma placa pendurada no pescoço anunciando o restaurante Samos, objeto deste post, com o preço destacado? Como já havíamos espiado alguns preços por lá, achamos bem interessante o valor na placa e o abordamos para perguntar certinho onde era o restaurante.

Lugar descoberto, fomos passear e na hora do almoço, voltamos ao local para experimentar o tal do Samos.

O Samos é um restaurante de comida grega, que serve um buffet livre com arroz, feijão branco, salada, frango, carne, massa, batata e também uma tímida sobremesa não tão saborosa, para o meu gosto, claro. O lugar é simples, mas a comida, apesar de igualmente simples, é gostosa. Também há banheiro, o que é fundamental quando se viaja e se anda, anda, anda, não é mesmo?

Preço:

O buffet livre custa 49 coroas dinamarquesas por pessoa. Isto equivale a aproximadamente R$ 22. Pensa: na Europa, melhor ainda, na Dinamarca, isto é um ótimo preço. Mas tem uma pequena pegadinha, rsssss. É obrigatório pedir uma bebida antes de se servir. Bem, escolhi o suco de laranja, que custou 16 coroas, e a refeição acabou saindo por 69 coroas, algo em torno de R$ 31, que equivale a 7 euros com comida livre e bebida, e isto é bom demais! Preço ótimo para os padrões dinamarqueses.

Endereço:

O Samos fica na rua Skindergade, 29, Kobenhavn, Copenhague. É numa região bem central e turística. Logo, se não te incomodas de andar um pouquinho, dá para passear por outros lugares e voltar lá, como fizemos.

Agora, vou te contar mais um segredinho: também nos hospedamos em um hotel muito bom, com uma localização ótima e com um preço bem pagável. Confira tudo sobre este hotel aqui e também aproveite para fazer a pesquisa de preços e reserva aqui. Viu só? Com nossas dicas, a tua viagem para a Dinamarca pode não mais custar um rim e vais te divertir muito mais, sem peso na consciência, nem no bolso e com a barriguinha cheia, hehehehe.

Agora que você já sabe onde comer barato em Copenhague, Dinamarca, quer nos ajudar a manter o Mapa na Mão funcionando? É só usar os nossos links para planejar sua viagem! Você NÃO PAGA NADA A MAIS POR ISSO e nós ganhamos uma pequena taxa, ajudando a manter nosso trabalho de pé! 🙂

Hotel ou apartamento: reserve o seu por este link no Booking.

Aluguel de carro: reserve no Rentalcars.

Seguro Viagem: faça o seu aqui e saiba tudo sobre seguro neste post.

Câmbio (compra de moeda): esta é uma novidade do blog. Através deste link, você pode encontrar a melhor cotação para a compra de moeda estrangeira. Confira!

E não fique por fora das novidades e promoções do Mapa na Mão:

  • Entra lá no Facebook, curta nossa página e convide amigos para curtir também: Mapa na Mão
  • Inscreva-se em nosso canal do YouTube: Mapa na Mão
  • Siga nosso Instagram: @mapanamao
  • E inscreva-se no nosso blog ali ao lado onde está escrito: ASSINE NOSSO BLOG

Você pode salvar este texto no seu Pinterest para futuras consultas, pinando a foto abaixo:

Michela

23 comentários em “Onde comer barato em Copenhague – Dinamarca

  1. Não sabia que a comida na Europa era tão cara! Pretendo conhecer o velho continente, mas pelo jeito já tenho que ir pensando nas economias haha. Muito massa esse restaurante que você foi, a dica já está anotada! Abç!

    1. Flávio, na verdade, há muitos restaurantes bem caros, mas dá para ir para lá sem gastar horrores. Sempre tem os locais menos caros e os mercados que nos salvam. Boa viagem!

  2. Adoro dicas pra comer barato! Tirando uma ou outra refeição mais elaborada, meu objetivo é sempre gastar o mínimo possível com alimentação. Consultarei novamente o post quando visitar Copenhague!

    Abraço,

  3. Já apontei a sua sugestão. A verdade é que visitar os países nórdicos é um rombo no orçamento, especialmente no que toca a alimentação e alojamento. É sempre bom ter ideia de lugares para comer com orçamentos mais limitados.

  4. Hoje morando em Hong Kong acho quase todos os lugares que viajo “barato”. Mas a Escandinávia é um dos lugares que ficam um pouco fora desse grupo. Quando viajo para lugares novos, adoro descobrir lugares gostosos para comer, se ele for do grupo baratex, melhor ainda. Porém se a comida e a experiência forem boas não me importo em pagar um pouco mais.

  5. Bom este é um post mesmo muito útil ! 🙂 … Comer barato em Copenhaga é mesmo algo muito difícil de conseguir… eu já estive por lá duas vezes e considero a capital da Dinamarca a mais cara das capitais dos Países Nórdicos… obrigada pelas dicas! 🙂

  6. Acho que é que nem aqui na França: os restaurantes de “fora”, isto é, os asiáticos, turcos e gregos, por exemplo, são mais baratos que grande parte dos franceses. E quando a gente está viajando, eles são vitais para que a gente não saia do orçamento. Obrigada pela dica

  7. Gente, isso foi mais que um achado … foi a salvação da viagem … me lembro que uma vez paguei 33 e poucos euros numa salada na França. Algo perto de 100 reais. Foi cara, mas foi uma das melhores saladas da vida!
    Comida estrangeira, geralmente é uma opção mais em conta nos países europeus.

    Excelente dica!

Oi! Tem alguma dúvida, sugestão, dica ou comentário, deixe aqui para nós e viajemos juntos!

%d blogueiros gostam disto: