ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

O que fazer em Gotemburgo, Suécia – Roteiro de 1 dia

publicado em: 01/11/2018 atualizado em: 01/11/2018

Gotemburgo é a segunda maior cidade da Suécia e é conhecida pela sua pujança econômica, tendo o maior porto de toda a Escandinávia e sendo sede da famosa Volvo. Apesar de ainda não muito visitada pelos brasileiros, ela acaba entrando na rota de algumas pessoas que estão explorando a região. Tanto que encontrei alguns brazucas por lá! Haha.

Foi o que aconteceu comigo, que resolvi fazer uma parada durante a minha viagem entre Oslo e Estocolmo, que eram meus “destinos principais”. Até porque os preços da Flixbus estavam bem convidativos para fazer essa paradinha no meio!

Gotemburgo turismo o que fazer

Vou ser sincera, não morri de amores por Gotemburgo. Dificilmente faria uma viagem só para lá! Mas a cidade tem sua graça, obviamente, e bastante coisa legal para se ver em um dia. Além disso, há um conjunto de ilhas bem próximas do centro de Gotemburgo e facilmente visitáveis que são uma gracinha.

Acho até que a melhor forma de explorar Gotemburgo é ficar mais dias para poder conhecer várias ilhas! Visitei uma dessas ilhas e em breve sai um post bem completo sobre o arquipélago de Gotemburgo!

Ah! Ainda vão sair muitos outros posts sobre Gotemburgo, Oslo e Estocolmo, então, se não quiser perder nada, acompanha a gente no nosso Facebook e Instagram e assina a nossa newsletter!

Confira também outros posts sobre a Escandinávia: 
O que fazer em Copenhague em dois dias
Como visitar as ilhas do fiorde de Oslo
Roteiro pelas mais lindas estações de metrô de Estocolmo

Como se locomover em Gotemburgo

Praticamente todas as atrações da cidade ficam no centro, de forma que andar bastante é a melhor forma de conhecer a cidade. De qualquer forma, caso deseje usar o transporte da cidade, Gotemburgo possui ônibus e os charmosos trams azuis (os nossos bondinhos). Para planejar tuas rotas de transporte público, recomendo usar o aplicativo do Google Maps. Basta colocar o ponto de saída e o de chegada e usar no modo “transporte público” (o desenho de um ônibus).

Os passes podem ser comprados a bordo dos trams, em lojas da Seven Eleven, Pressbyran e no Tourist Centre.

Se quiser alugar um carro para fazer os deslocamentos na cidade, abaixo podes ver o melhor preço entre dezenas de locadoras.

Faça aqui uma cotação entre dezenas de locadoras de carro

Gotemburgo turismo

Como chegar a Gotemburgo

Gotemburgo possui um aeroporto super movimentado, o Goteborg Landvetter (GOT). Ele tem voos diários para dezenas de cidades europeias, então é bem fácil de conseguir um voo para a cidade!

Há uma linha de ônibus da Flygbussarna que liga o centro de Gotemburgo ao aeroporto. No centro da cidade, ele para em 4 pontos diferentes: no Terminal Nils Ericson (a rodoviária da cidade, que fica junto da Estação Central de trens), Korsvägen, Kungsportsplatsen e Park Aveny. A frequência de ônibus é bem grande (chega a ter de dez em dez minutos em alguns horários do dia). O preço, padrão Escandinávia, como sempre: 99 coroas a pernada (cerca de 45 reais). O trajeto dura cerca de 30 minutos.

É possível consultar os horários e comprar os tickets antecipadamente nesse site aqui.

Maaaas a Flixbus existe para salvar os viajantes mão de vaca! A famosa empresa low cost também faz o trajeto entre o terminal Nils Ericson e o aeroporto, só que com horários menos frequentes. Mesmo assim, há alguns horários por dia, e vale a pena consultar anteriormente no site, porque a diferença de preço é grande: os preços variam entre 4 e 6 dólares! O trajeto também dura 30 minutos. Flixbus, eu te amo!

Mas, caso deseje chegar de ônibus a Gotemburgo, recomendo fortemente a empresa Flixbus. Eles possuem linhas para praticamente qualquer lugar que se possa imaginar na Europa. Os ônibus são bons, pontuais e os preços são imbatíveis. Fiz toda a minha viagem por Oslo, Estocolmo e Gotemburgo com eles!

Se quiser alugar um carro para fazer os deslocamentos na cidade ou região, abaixo podes ver o melhor preço entre dezenas de locadoras.

Faça aqui uma cotação entre dezenas de locadoras de carro

E, se quiser chegar a Gotemburgo de trem, sugiro consultar o site GoEuro, que te mostra quais empresas fazem o trajeto desejado de onde tu estás até Gotemburgo.

Gotemburgo atrações o que fazer

Esse prédio lindo  fica próximo da Ópera, na Packhusplatsen

Seguro viagem obrigatório com desconto

Sabia que para viajar para vários países da Europa o seguro viagem é obrigatório? Além de ser mega recomendado, já que ficar doente em um país caríssimo como a Suécia pode te custar uma conta muito cara. Então não deixa de cotar o teu seguro no link abaixo, que traz várias opções de seguradoras, apontando a mais barata! E leitor do Mapa na Mão tem 5% de desconto usando o código MAPANAMAO5:

Faça aqui uma cotação do seguro viagem

Quanto tempo ficar em Gotemburgo?

Em 1 dia se vê todas as atrações principais de Gotemburgo. Mas, se tiveres mais tempo, vale a pena ficar mais um ou dois dias para aproveitar algumas das ilhas do arquipélago de GotemburgoGotemburgo tem dezenas de ilhas facilmente acessíveis de ferry (e usando o passe municipal de transporte), cada uma com uma característica diferente, e que merecem tua visita, caso sobre um pouco de tempo na tua viagem.

Leia também: O que fazer em Berlim – roteiro de 2 dias

Onde se hospedar em Gotemburgo

Antes de começar, quero dar algumas dicas de hospedagem em Gotemburgo. A cidade, assim como todas as outras dos países nórdicos, é bem cara, então ficar de olho em ofertas de hospedagem é crucial.

Como comentei, as atrações de Gotemburgo são concentradas na região central, de forma que uma hospedagem por lá economiza bastante em deslocamento. Eu fiquei no STF Hostel e recomendo! Os preços são bons e as instalações são ótimas. Não fica bem no centrinho, mas com uma boa caminhada ou poucos minutos de tram se chega ao centro.

Coloquei abaixo um quadro com algumas ofertas de hospedagem, mas, se nada te agradar, é só clicar no quadrinho que vais ver todas as opções da cidade.



Booking.com

O que fazer em Gotemburgo, Suécia

Esse roteiro é bem tranquilo de fazer em um dia e todo a pé, exceto pelo Museu da Volvo. Coloca as perninhas para funcionar porque o passeio vale a pena!

Ônibus hop-on hop-off

Caso não queira ou não possa caminhar muito, há duas opções de passeio que podem te ajudar na cidade. A primeira opção é um ônibus no estilo hop-on hop-off, ou seja, tu podes descer em qualquer um dos pontos, ficar quanto tempo desejar e pegar os próximos ônibus que estiverem passando durante 24 horas para ir até os próximos pontos. Ah, e o passeio é guiado em várias línguas, dentre elas, inglês e espanhol!

Compre aqui o ticket para o ônibus hop-on hop-off

A outra opção é um passeio de ônibus panorâmico que dura 50 minutos e que também tem guias em espanhol e inglês. Nesse, não há tempo para paradas, mas é ótimo para quem tem poucas horas na cidade.

Compre aqui o ticket para o passeio de ônibus

Järntorget

A Järntorget é uma das principais praças de Gotemburgo, bem charmosa, e é um bom lugar para começar teu passeio pelo centro da cidade!

Roteiro Gotemburgo

Jarntorget

cidades da suécia gotemburgo

Haga

Haga é um bairro super charmoso e simpático que concentra boa parte das opções gastronômicas da cidade, com vários restaurantes e barzinhos super agradáveis. Quer dizer, parecem super agradáveis – digo isso porque o que mais fiz nessa viagem pela Escandinávia foi passar vontade e comer comida de mercado, hahaha.

Andei principalmente pelas ruas Linnégatan, Haga Nygata, Haga Östergata e Landsvägsgatan.

Skansen Kronan AB

Se tiver que fazer só uma coisa em Gotemburgo, vá a esse forte com vista da cidade! A vista 360 graus é super bonita.

Atrações de Gotemburgo

Fui ao anoitecer, por isso a foto está péssima! Mas a vista é muito linda!

 

O forte foi finalizado em 1687, tendo 23 canhões, apesar de nunca ter sido atacado por inimigos. No século XIX, ele foi transformado em uma prisão.

Gotemburgo o que fazer

O forte

 

Hoje funciona no local um café. Não cheguei a ver porque fui lá pela noite e já estava tudo fechado (pude curtir apenas a vista).

Feskekorka

A Feskekorka, ou “igreja de peixe”, é um mercado de peixes que tem um formato que lembra muito uma igreja. Por isso o nome, hehe!

O mercado não é muito grande e é realmente bem focado em peixe. E é mega gourmet, não tem nada de peixaria raiz não, haha. Aliás, há poucas peixarias no local, mas é algo bonito de se ver.

feskekorka gotemburgo

Há todo tipo de peixe e frutos do mar que se possa imaginar. E, além de se poder comprar peixes para se preparar em casa, o local também possui um restaurante e algumas das peixarias vendem comidas já prontas. E eu achei isso bem legal!

Além de várias marmitas prontas e completas com algum peixe e acompanhamentos, há também pedaços de peixes com diferentes preparações e molhos para serem comprados por peso. Eu comprei, por exemplo, alguns pedacinhos de herring, um peixe super tradicional da Escandinávia, em um molho de ervas. Delícia!

gotemburgo turismo

Parte do meu almoço, os pedacinhos de herring!

Mesmo não sendo hora do almoço, que tal comprar algumas dessas comidinhas e guardar para um piquenique mais tarde?

Kungsparken

O Kungsparken é um parque à beira do rio, e foi inclusive ali que eu fiz meu piquenique com uma saladinha comprada no mercado e meu herring do mercado. Econômica, sim, mas com um toque de tradição sueca! Hahaha.

Götaplatsen

A Götaplatsen é uma das principais praças de Gotemburgo e é nela que chega a famosa avenida Kungsportavenyen, a “Champs-Elysées de Gotemburgo”. Eu mesma que tô fazendo essa comparação, não li em nenhum lugar não, hahaha. Sei que parece tosco, mas transmite a ideia da avenida. Bom, voltando à praça: ficam ali a estátua de Netuno e o teatro e a casa de concertos de Gotemburgo.

Gotemburgo turismo

Estátua de Netuno com a Kungsportavenyen ao fundo

Kungsportavenyen

Como mencionei acima, essa seria a Champs-Elysées de Gotemburgo, com vários restaurantes e comércios. É super agradável caminhar pela avenida e ela não é tão grande, então rola atravessá-la inteira com tranquilidade, passando na frente do Stora Teatern, um belo teatro de Gotemburgo.

Stora Teatern

Garden Society of Gothenburg/Palm House

Olha só que legal: no século XIX, surgiram várias sociedades de jardinagem pela Europa,Gotemburgo não quis ficar para trás. Foi criado então esse jardim que, além das várias árvores e rosedais, tem também alguns cafés. Ali, os sócios praticavam seu hobby de jardinagem e passavam bastante tempo entre os jardins e os cafés.

Jardins de Gotemburgo

 

Gotemburgo garden society

Rosedais

E fica lá a Palm House, uma estufa inspirada no Palácio de Cristal em Londres. Lá há várias árvores tropicais e exóticas, incluindo palmeiras, como o próprio nome entrega. Eu estive lá no final da tarde, então não consegui entrar na Palm House, que já estava fechada.

Gotemburgo Suécia

Palm House

Central Station

A estação central de trens de Gotemburgo é uma fofura, uma das mais bonitinhas que já vi! Vale a pena dar um pulinho lá.

Estação Central de noite

 

goteborg

Interior da Estação Central

Saluhallen

O mercado público de Gotemburgo merece muiiito uma visita! Além de super bonitinho, tem várias lojas e restaurantes super legais. E os preços são até baratos, considerando os preços da Suécia! Há vários pratos feitos e de comida típica em torno de 80 coroas (cerca de 40 reais), um valor abaixo do que costuma ser cobrado em restaurantes de rua.

Saluhallen Goteborg

Saluhallen

 

Então acho que é uma boa pedida de almoço, caso tu já não tenha garantido o piquenique no mercado de peixes. Mas, se garantiu o piquenique, guarda as comidinhas para mais tarde ou come tudo junto, ué! Hahaha.

atrações de Gotemburgo

Saluhallen Gotemburgo

Passeio de barco pelos canais

Fazer um passeio de barco é uma ótima pedida em Gotemburgo, visto que a cidade é banhada por canais. Há duas opções de passeio, sobre os quais vou explicar melhor abaixo.

A Paddan Sightseeing faz um passeio guiado pelos canais de Gotemburgo, contando um pouco sobre a cidade e oferecendo uma vista com um ponto de vista diferente da cidade. É um verdadeiro clássico de Gotemburgo!

O tour dura 50 minutos e custa a partir de 190 coroas (cerca de 90 reais), e crianças de 6 a 15 anos pagam meia. Ele sai da Kungsportsplatsen, do lado de Saluhallen, e há vários horários durante o dia. Podes comprar o ingresso na hora ou antecipadamente nesse link aqui. O tour é guiado em sueco e em inglês.

E há uma opção ainda melhor! Esse outro passeio de barco, além de também fazer um tour pela cidade, ainda funciona no esquema “hop on hop off”, ou seja, dá para saltar em 5 pontos diferentes de parada do tour, ficar quanto tempo quiser e pegar o próximo barco que estiver passando dentro de até 24 horas! Gostaria muito de ter feito esse passeio.

O preço é similar ao da Paddan, de cerca de 95 reais. Podes comprar esse passeio clicando no botão abaixo. O único porém dele é que ele não funciona durante os meses de inverno!

Compre aqui o passeio de barco por Gotemburgo

Centro de Gotemburgo/ ruas de comércio

Uma das coisas que mais achei legal em Gotemburgo é que há dezenas daquelas ruas fechadas para carros e com comércio super gostosinhas de caminhar, sabe? Essas ruas ficam concentradas principalmente em torno da Catedral de Gotemburgo. Andei bastante pela Ostra Hamngatan, pela Vallgatan e pela Kungsgatan.

Suécia Gotemburgo

Gostaria de deixar aqui esse termômetro que chega a MENOS TRINTA GRAUS

 

Catedral de Gotemburgo

Catedral de Gotemburgo

 

Catedral

Södra Hamngatan

Não pode faltar, óbvio, uma bela caminhada às margens de um dos canais de Gotemburgo. A vista é bem bonita!

turismo em gotemburgo

O que fazer em Gotemburgo Suécia

Ópera de Gotemburgo

A Ópera de Gotemburgo não chega a ser super linda, mas a vista que se tem de lá é legal. Se estiver pela região, vale um pulinho lá para conferir a vista.

o que fazer em Gotemburgo

Vista da Ópera

Museu da Volvo

O Museu da Volvo, na verdade, precisa ser encaixado no meio desse roteiro por conta dos horários de visitação. Separe cerca de quatro ou cinco horas para o passeio, porque ô lugar longe da caçamba! Só para se chegar lá a partir do centro vai quase uma hora. Uma ideia é ir até lá antes de começar o passeio pelas ruas do centro, já que, mesmo voltando do museu no final da tarde, ainda dá para aproveitar o passeio ao ar livre.

Outra opção é usar um pedaço de outro dia para o museu! Vai rolar post aqui no blog especificamente sobre o museu da Volvo, mas posso adiantar que o museu é de ótima qualidade, principalmente para loucos por carros antigos. Ele é aberto de segunda à sexta das 10 às 17h, e aos sábados e domingos das 11 às 16h. A entrada custa 100 coroas para adultos, 50 coroas para 16 a 19 anos e 25 para 6 a 15 anos. Idosos e estudantes pagam 80.

Monte as tuas viagens aqui

Agora que tu já sabes o que fazer em Gotemburgo, na Suécia, quer nos ajudar a manter o Mapa na Mão funcionando? É só usar os nossos links para planejar a tua viagem! NÃO PAGAS NADA A MAIS POR ISSO e ajudas a manter nosso trabalho de pé! E reservando com nossos parceiros, consegues ótimos preços e qualidade:

É só clicar nos quadros logo mais abaixo e pesquisar. Vou te deixar umas dicas:

Hotel ou apartamento: o Booking buscará opções para o lugar pesquisado e podes comparar preços e qualidade. Uma dica: dê uma olhada nas avaliações dos hóspedes antes de escolher. Está sem tempo ou com preguiça? Nós procuramos para ti sem custo. Ah, podes ainda fazer uma reserva com opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Então, garanta a tua reserva agora mesmo!

Aluguel de carro: site irá buscar os melhores preços em diversas locadoras, o que é muito legal. Podes pagar em real, sem a cobrança do IOF. Vais garantir carros mais baratos alugando com antecedência. Ainda, podes parcelar em 12 vezes no cartão ou pagar no boleto com 5% de desconto.

Seguro Viagem: olha só, com a Seguros Promo, utilize o nosso cupom MAPANAMAO5 e ganhe 5% de desconto. É legal cotar nas duas empresas dos quadros abaixo (Real e Seguros Promo) para escolher o melhor. Ah, e por experiência própria, os valores destes dois sites geralmente são melhores que de agências, isso porque eles cotam em várias seguradoras. O pagamento pode ser em até 12 parcelas no cartão ou com mais desconto no boleto. Ficou com alguma dúvida? Clique e leia aqui tudo sobre seguro viagem.

Chip para celular: chegue tranquilo com o celular funcionando no teu destino. Comprando pelo link do Mapa na Mão, é só incluir o código de cupom RBBVGRATIS e não vais pagar frete! Queres saber se vale a pena ou não sair do Brasil com chip? Leia aqui tudo sobre o chip internacional da Easysim4U.

Passeios e atrações pelo mundo afora: compre antes da viagem para evitar filas, o término dos tickets e surpresas no orçamento. Temos 3 parceiros ali abaixo: Get Your Guide, Tiqets e Touron. Clique e confira!

Câmbio (compra de moeda): faça uma proposta para a agência de câmbio da tua cidade. Caso ela aceite a proposta, vais receber um e-mail confirmando. Corra para finalizar a transação e garantir o valor. Além de comprar moeda com valores melhores, no final da negociação vais receber um email com cupons de desconto para alguns produtos. Então, confirme que queres finalizar a compra através da proposta feita no site Melhor Câmbio.

Buscando Curtidas...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Ester
Ester
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.