ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

O que fazer em Milão em 1 dia, 2 ou mais – Itália

publicado em: 21/03/2019 atualizado em: 21/03/2019

Nós ficamos três noites em Milão e dois dias inteiros. Aproveitamos um para conhecer o Lago di Como e o outro para conhecer a cidade em si. Aqui, neste roteiro de o que fazer em Milão, vou te contar exatamente o que fizemos e na ordem dos nossos passeios. Mas podes adaptar como preferir, inclusive colocando mais atrações para ficar um dia a mais neste charme italiano. E ainda vou te dar dicas gerais para aproveitar o melhor de Milão.

Mas antes de mostrar o que fazer em Milão em 1 dia, 2 ou mais, quero te convidar a assinar a nossa newsletter e receber todas as novidades e promoções do Mapa na Mão. Faça parte desta lista de amigos viajantes:

Onde fica Milão e curiosidades

Milão, em italiano, Milano, fica no norte da Itália, bem próximo à Suíça, a 71 km de Lugano. A sua área urbana é a quinta maior da Europa. A região metropolitana de Milão é a maior e mais populosa da Itália. Em termos populacionais, Milão é a segunda cidade maior da Itália.

Além de toda esta importância geográfica, Milão é mundialmente conhecida como a capital do design. A moda é outro ponto forte do lugar, sendo também famosa por seus estilistas e marcas que despontam no setor.

Na culinária, foi responsável pela criação do bolo de Natal e do Panetone. Delícia de lugar, né?

onde fica Milão

Onde nos hospedamos em Milão

Vou ser sincera, hospedagem em Milão é um troço caro. E queríamos um hotel com boa localização, de preferência para conhecer a cidade à pé. Então, o que mais nos pareceu interessante pela localização e o preço foi a Casa Sarpique é um apartamento no bairro chinês. Este bairro é gostoso e com muito comércio. Aqui contei todos os detalhes deste hotel em Milão que não é um hotel, hehehe, mas um apartamento. E caso queiras dar uma olhada nos valores para a tua data e mais detalhes, é só clicar aqui e conferir.

Outras sugestões de hospedagem

Agora vou te deixar outras sugestões que nos parecem ter bom custo x benefício, pelo preço e pela localização. De novo, hotéis em Milão não são baratos, então, espero ajudar. Mas caso queiras uma pesquisa mais abrangente, é só pular para o próximo tópico.

Hospedagem em Milão – outras opções

Não gostou deste apartamento que experimentamos? Nem das sugestões acima? Dá uma olhada no quadrinho laranja abaixo, onde deixo outras opções na cidade. Mas olha com carinho, porque Milão é uma delícia! Clicando ali abaixo, abrindo o site, no quadro laranja à esquerda, preencha com as datas e a quantidade de pessoas e depois de clicar em pesquisar, podes escolher os filtros para te ajudar. São eles: nossas principais escolhas, ou seja, o que o Booking elege como interessante primeiro, preço, nota de avaliação e preço e estrelas. Dá uma olhada na nota de avaliação no cantinho superior direito de cada hotel. Abra para ler o que os hóspedes estão falando. Confira o que a hospedagem oferece e reserve, se for do teu agrado.

Hospedagem em Milão

O que fazer em Milão em 2 dias

Agora eu quero te contar o que fizemos em Milão exatamente na ordem dos nossos passeios. Caso queiras adaptar, fique à vontade. E como ficamos 2 dias inteiros, caso também tenhas esta quantidade de dias, podes te basear nestas dicas. Mas se tens um dia ou mais dias, podes também adaptar tudo de acordo com o teu gosto, até porque mais ao final vou deixar outras opções de passeios. Vamos então passear pela região?

Lago di Como

No primeiro dia em Milão, acordamos cedo, pegamos nosso carro alugado e colocamos no Maps a cidade de Varenna, uma das visitadas no lago. Em Varenna, deixamos o carro em um parking ( que custou 1,50 euros por hora em 2019).  Caminhamos pelo centrinho, pelas ruelas entre as casas e chegamos até o lago. De Milão até Varrena são 77 km de distância.

Após o passeio, como já estava na hora do almoço e não queríamos gastar muito, compramos água, comida e frutas no Supermercado Iperal e ali mesmo almoçamos. Há um balcão com comida pronta. Muito bom para aquela refeição econômica.

Depois, seguimos para Bellagio. Esta é uma cidadezinha maior que Varenna e igualmente linda com construções antigas e à beira do Lago di Como. Em Bellagio, assistimos ao pôr do sol no lago. Foi uma agradável surpresa.

Dali, seguimos para Como, a maior cidade da região. Como é mais agitada, com ruas movimentadas, comércio, lojas, restaurantes, cafés, lanchonetes. Passamos em frente à catedral, caminhamos pelas ruelas de comércio, fomos até o lago. Uma pena já ter anoitecido porque eu adorei Como.

Do lago eu avistei um funicular. Quase chorei por estar já noite, pois fiquei morrendo de vontade de ir. Bem, fica aqui como dica porque a vista lá de cima deve ser sensacional. A estação do funicular Como-Brunate fica a 10 minutos da Piazza Cavour, no centro de Como. Dá também para subir de funicular e descer à pé, caso haja disposição.

lago di como Itália

Sobre a viagem a Como

Neste passeio, é possível visitar os vilarejos e cidades. Saindo do carro, comprando souvenirs e tirando fotos, conseguimos visitar as três cidades que te falei acima, em um dia.  O próprio caminho de carro costeando o lago e passando por dentro das cidadezinhas já é um show. Com certeza, valeu a pena e quero voltar para conhecer ainda mais, pois o lago é enorme e daria para aproveitar muitas cidades. Talvez dormir por lá, com mais tempo.

Milão – Arco da Paz

Aqui, o dia foi inteiro em Milão. Então, caso tu tenhas só um dia na cidade, dá para aproveitar somente este dia de dicas.

Como estávamos hospedados na Casa Sarpi, iniciamos nossos passeios por Milão pelo Arco da Paz ou Arco della Pace, pois queríamos aproveitar tudo à pé. Este arco marca uma das portas da cidade, a Porta Sempione. Ao longo da história, três muralhas foram construídas para proteger a cidade. E nestas muralhas, várias portas de entrada. A Porta Sempione foi uma destas. E o arco foi construído nesta região, para celebrar a paz.

Quem mandou construir o arco para celebrar suas vitórias foi Napoleão. Porém, a obra somente foi concluída durante o governo do Imperador Francisco José I da Áustria, adversário de Napoleão e um dos responsáveis pela sua derrota.

A obra é linda e fica em um parque igualmente muito bonito.

Dica MnM: caso vás à noite para fotos noturnas, como fizemos, evite atravessar o parque. Vá pelas ruas próximas ao arco. Não me senti segura no centro do parque, à noite.

mapa Milao arco della pace

Este é o caminho do nosso hotel até o Arco da Paz

arco da paz Milao

Foto noturna do Arco da Paz

Castello Sforzesco

Atravesse o parque Sempione para chegar ao Castello Sforzesco. Também aproveite para conhecer o parque, que não é muito grande. Acabamos não aproveitando o parque, mas já me arrependo, hehehe. Vi no mapa que nele há um aquário, uma fonte, e monumentos. Parece interessante.

O Castello Sforzesco foi construído no Séc. XV por Francesco Sforza, que pouco depois se tornou Duque de Milão. Hoje, além de ser possível conhecê-lo por fora e seu pátio, gratuitamente, ele abriga importantes museus e outras amostras. Entre os museus, o Museu de Arte Antiga, a Pinacoteca, o Museu da Pré-história e Proto-história, o Museu de Artes Decorativas, o Museu de Instrumentos Musicais, o Museu Pietá Rondanini – Michelangelo e o Museu do Móvel.

Não entramos, mas caso queiras conhecer os museus, ali mesmo há lugar para compra de tickets, que custam 5 euros. Os museus não funcionam nas segundas-feiras e o último horário para entrada é às 17h. Ah, e saindo do castelo em direção à próxima atração, há uma bonita fonte com chafariz.

  • Agora, caso queiras uma visita guiada por áreas restritas do castelo, não abertas ao público, é só clicar aqui e conferir.
  • E uma visita guiada pelo castelo e seus arredores e museus, com guia que fala inglês, clique aqui e dá uma olhada.
  • E se queres algo mais amplo, aqui podes conferir um tour pela Catedral de Milão, o Teatro La Scala e o Castelo Sforzesco.

mapa parque Sempione milao

castelo Sforzesco Milão Itália

A torre central do Castelo Sforzesco

Brera

O Brera é um bairro com vários restaurantes com mesinhas nas ruas, lojas, becos, ruas estreitas com construções bonitas. É um bairro muito gostoso para caminhar despretensiosamente. E caminhe por ele para depois chegar à próxima atração.

mapa turístico de Milão

Galeria Vittorio Emanuele II

A Galeria Vittorio Emanuele II é uma obra de arte arquitetônica. Um corredor com lojas, algumas de grifes famosas, cafés, lanchonetes, restaurantes. Aprecie a beleza dos mosaicos no chão, os detalhes nas paredes, no teto, nos portais de entrada. Com certeza, um lugar lindo que merece ser apreciado de dia e de noite. Como a galeria fica ao lado do Duomo e o Duomo também é imperdível à noite, aproveite para passear pela região também com as luzes acesas. E aproveite para um descanso e um docinho na galeria. Ah, deixa eu te dar uma dica.

Confeitaria Marchesi

Esta confeitaria tem cada doce e cada torta de encher os olhos. Provamos uns doces para não morrer de vontade, e aproveitamos para descansar um pouquinho. É um pouco caro, mas vale a pena olhar aquele monte de belezura na vitrine do balcão e apreciar a vista de cima da galeria.

mapa atrações de Milão

Caminhando do Bairro Brera em direção à Galeria Vittorio Emanuele II, vais passar pelo Teatro alla Scala, que falarei mais abaixo. E neste local, do teatro, há também um monumento a Leonardo da Vinci.

galeria Vittorio Emanuele Milao

Aprecie cada detalhe arquitetônico desta linda galeria, e também suas lojas e restaurantes.

Duomo de Milão

Ai, ai, aqui foi o ponto forte do passeio. Eu estava morrendo de vontade de chegar logo à Catedral de Milão. E na saída da galeria, que dá na Praça do Duomo, ou Piazza del Duomo, já avistei a igreja. Minha nossa, que coisa mais linda. Sem brincadeira, uma das construções mais lindas que vi na vida.

E como é símbolo de Milão, não tire esta atração do roteiro, fechado? Tiramos fotos do Duomo, ou Catedral, e também da praça em frente que é muito bonita.

Mas não entramos na catedral e me arrependo. Caso não queiras te arrepender também, é possível entrar na catedral, subir até os terraços dela e também conhecer o Museu da Catedral, a Igreja de São Gotardo e a área arqueológica, tudo isso no complexo do Duomo de Milão.

Atenção: a última entrada será 50 minutos antes de fechar a atração.

Horário de funcionamento:

  • Catedral: todos os dias, das 8h às 19h
  • Terraços: todos os dias, das 9h às 19h
  • Área arqueológica: todos os dias, das 9h às 19h
  • Museu e Igreja de São Gotardo: todos os dias, das 10h às 18h. Não abrem quartas-feiras
mapa duomo de Milao

A Galeria Vittorio Emanuele II sai na praça do Duomo

duomo de Milao catedral de Milao

Ao vivo ela é ainda mais deslumbrante

Região do Duomo de Milão

A região do Duomo é muito legal e bonita. Há lojas de artesanato, restaurantes, lojas gerais e muita gente caminhando. Ah, não deixe de conhecer a ODStore Duomo, uma loja de doces muito lindinha e açucarada, heheheh, bem atrás da catedral. Há doces de tudo que é tipo e muita coisa linda para comprar de presente.

mapa turístico Milao

Esta loja doce, heheh, fica bem ali atrás da catedral

Igreja San Bernardino alle Ossa ou igreja dos ossos

No local, em 1127, foi construído um hospital junto a um cemitério. Em 1210 foi construída uma sala para abrigar os ossos dos mortos. Em 1642, a queda do campanário da igreja vizinha, a Igreja Santo Stefano Maggiore, danificou a Igreja de San Bernardino e o ossário que haviam no local. Na restauração destas construções, o ossário foi decorado com ossos humanos. A Igreja de San Bernardino foi restaurada em estilo Barroco e Rococó, em 1750. Bem, entrando pela porta principal da igreja, virando à direita, chega-se a Capela do Ossário, este local todo decorado com crânios e ossos humanos.

Acredita-se que os ossos sejam de mortos do antigo hospital, o Hospital Brolo.

A Capela de Ossos de Évora, em Portugal, foi inspirada nesta aqui, pois o rei Dom João V resolveu construi-la após uma visita à Capela de Ossos de Milão.

Horário de funcionamento

  • De segunda a sexta, das 7h30min às 12h e das 13h às 16h.
  • Sábados e domingos, das 7h30min às 12h.

mapa das atrações turísticas de Milão

capela de ossos de Milão

Todas as paredes decoradas com ossos e crânios

o que fazer em Milao em um dia

A igreja da direita é a da Santo Stefano Maggiore e a da esquerda é a de San Bernardino, onde fica a capela de ossos

Quadrilátero da moda

O Quadrilátero da moda é um local com muitas lojas, muitas grifes, calçadão, gente andando, apreciando vitrines, comprando. Há uma loja da Apple lindíssima. Vitrines e fachadas de lojas maravilhosas. E calçadões para andar sem pressa e com tranquilidade. Tu é phyno, quer comprar? Então aproveite lojas como Gucci, Giorgio Armani, Fendi, Timberland, Versace e muito mais.

Ah, e ali perto há também uma igreja muito bonita chamada Basílica di San Babila.

mapa quadrilatero da moda de Milao

passeios em Milão

Esta é a Basílica de San Babila

Chinatown de Milão

Nosso hotel ficava no bairro chinês de Milão, então, caminhamos por este bairro simpático algumas vezes. A rua principal do bairro é a Via Paolo Sarpi, uma rua de pedestres. Nela há lojinhas de produtos asiáticos, livrarias, lojas de roupas, acessórios e sapatos. Há também restaurantes, lanchonetes e bares. Alguns chineses e outros não.

Chinatown em Milao

O que fazer em Milão – outras opções

Antes de te passar umas dicas gerais muito importantes para que a tua viagem seja perfeita, quero te contar de outras atrações que me pareceram muito legais. Então, caso tenhas mais dias para aproveitar a cidade, vou deixar aqui outras opções de o que fazer em Milão. Assim, podes adaptar o teu roteiro, incluir mais atrações ou até mesmo trocar algumas das que te falei acima. Queria muito ter aproveitado melhor, mas fica a dica para a próxima.

Navigli – o bairro dos canais em Milão

Este bairro é interessante para conhecer à noite, por ser uma região com vários bares e restaurantes, na beira de dois canais. Minha filha foi e disse que o que mais gostou foi o Naviglio Grande, que é um dos canais. Caminhe por ali e aproveite para fazer um lanche ou jantar. Mas pelas fotos que vi, é também um lugar bonito para caminhar de dia. Aproveite nas duas situações, caso tenhas tempo.

Eataly

Nós somos apaixonados pelo Eataly. Já escrevemos sobre o Eataly São Paulo que também é uma delícia. Clique ali e confira o que seria o Eataly, porque para quem ama gastronomia italiana vai também se apaixonar, assim como nós.

Estação central ou Stazione Centrale

Nós chegamos em Milão pela Estação Central. Então, a conhecemos na corrida. Ela tem uma arquitetura bonita, lojas, restaurantes, lanchonetes. Ali, na chegada, conseguimos aproveitar uns bolinhos em uma cafeteria.

estação central de Milão

Ela tem uma bonita arquitetura

Teatro alla Scala

O Teatro alla Scala é um dos teatros de ópera mais famosos do mundo. Vimos por fora, mas olhando as fotos ele é magnífico por dentro. E ainda possui um museu com uma grande coleção de peças relacionadas ao mundo da ópera. Ele fica bem próximo à Galeria Vittorio Emanuele II.

teatro de opera de Milao

Este é o teatro por fora

A Última Ceia de Da Vinci

Eu tenho muita vontade de ver esta pintura do gênio e artista Leonardo Da Vinci. E não é que eu esqueci que ela fica em Milão? Pode me bater, eu deixo, porque tenho vontade de bater em mim também. Sabia que esta obra não é um quadro, como muitos pensam, mas uma pintura na parede? É também chamada de Cenacolo Vinciano em italiano. Este afresco mede 4,6 metros de altura por 8,8 de largura. Imagina que coisa mais linda!

A pintura fica dentro do refeitório do monastério de Santa Maria delle Grazie.

Agora, se não queres ficar muito bravo, como eu, heheheh, compre os ingressos com antecedência. A atração é disputada e tem número limitado de visitantes por dia. No site, geralmente são abertas vagas três meses antes da data escolhida. Pode acabar rapidamente e é preciso ficar atento.

Agora, outra forma de conseguir o ingresso mais facilmente, porém mais caro, até porque é uma excursão guiada com guia em inglês e fone de ouvido para escutá-lo melhor, é através da GetYourGuide. Clique ali, confira e já garanta o teu.

Cemitério Monumental de Milão

Olha, vou ser sincera. Eu não curto muito turismo de cemitério. Mas sabe que passando de ônibus em frente ao Cemitério Monumental de Milão, aquela construção me chamou atenção? Eu gostaria de ter ido. E lendo sobre, descobri que é um dos mais bonitos do mundo. Além disso, ele é considerado o maior museu de esculturas da Itália.

Outras atrações de Milão que achei muito legais

Onde comer barato em Milão perto do Duomo

Encontramos um restaurante com ótimo preço em Milão. É o Poker Bar Self Service. No lado direito, há uma escada. É só descer e chegar ao buffet. A gente escolhe a comida e as atendentes servem. A porção de rissoto, de penne, de macarrão, por exemplo, custa 4 euros. Prato vegetariano por 4,90.

onde comer em Milao

Outra maneira de se salvar na hora de economizar e encher o buchinho, é procurando no Google Maps por restaurantes estrangeiros, como kebabs, comida tailandesa, vietnamita ou de outras nacionalidades e também pelo Subway ou Mac Donald’s que conhecemos no Brasil.

Dica MnM:

Quando pesquisares restaurante, exemplo, digitando no Maps “kebab”, clique no pin que aparece no mapa que abaixo aparece o nome do restaurante, a nota que vai de 0 a 5 e as estrelas amarelas. Clicando nas estrelas e arrastando para cima, podes ver as avaliações dos clientes. Entramos numa fria em um kebab em Estrasburgo. O proprietário nos enrolou cobrando 6 euros a mais. Tentei questionar, mas ele disse que estava certo. E nas avaliações as pessoas diziam exatamente isso, que ele enganava na hora da cobrança.

Subway em liubliana

Clicando no pin vermelho, aparece a foto abaixo, as estrelas amarelas e a nota. Arrastando para cima, as avaliações dos clientes. Muito útil na escolha.

Seguro viagem – item obrigatório

Para viagens à Europa, é obrigatório fazer um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros, de acordo com o Tratado de Schengen, isto para garantir que terás cobertura em caso de doença ou acidente. E já ouvi relato de pessoas que tiveram que fazer uma cirurgia de emergência, por exemplo, que custaria milhares de euros. Portanto, não dá para ir para fora do país sem seguro. Não esqueças de fazer o teu antes da viagem.

Neste post escrevi tudo sobre seguro viagem – como fazer, porquê fazer, etc. E o valor não é tão alto. Vou deixar dois links abaixo para dares uma olhada. Ambas as empresas fazem cotações em várias seguradoras e podes escolher a cobertura que mais te agrada, além, claro, do preço que cabe no teu bolso. E por experiência própria, há opções com preços bem interessantes.

Ah, olha só, no Seguros Promo, caso seja mais interessante o seguro escolhido, utilize o cupom MAPANAMAO5 e ganhe 5% de desconto. E caso pagues com boleto, mais 5%.

Pesquise aqui com a Real Seguros         Aqui com a Seguros Promo

Internet ilimitada em Milão

Nós utilizamos este chip da Easysim4U em Milão na nossa viagem e funcionou muito bem. O legal deste chip é que funciona em toda a Europa e tu não vais precisar comprar um em cada país, caso vás para outro lugar na mesma viagem. Queres saber todos os detalhes? Leia aqui o que escrevi sobre chip de internet ilimitada para usar fora do Brasil, e decida se vale ou não a pena.

Roteiro personalizado e assessoria de viagem

Queres facilidade e um roteiro personalizado de o que fazer em Milão, Itália, ou para qualquer lugar do mundo? Sabia que o Mapa na Mão faz roteiro completamente personalizado? 100% de acordo com o teu gosto, com sugestão de lugares para comer, de como se locomover e com dicas especiais? Também podemos te ajudar a encontrar hospedagem que caiba no teu gosto e bolso e sem custo algum, além de passagens aéreas. Deixa um comentário abaixo ou nos envie um e-mail: contato@mapanamao.com ou mapanamaoviagens@gmail.com. Também podes entrar em contato através de nosso Whatsapp: 48 99933-1849. Saiba mais detalhes clicando no quadro abaixo, e viaje sem passar trabalho:

Assessoria de viagem

Segurança em Milão

Andamos pela cidade o tempo todo, de dia, de noite, e foi tranquilo. O único lugar que me senti insegura à noite foi dentro do Parque Sempione. Então, deixe para ir de dia, caso ele esteja no teu roteiro. E claro, em todo o lugar do mundo deves cuidar dos teus pertences como celular, bolsa, carteira, câmera fotográfica. Sempre levamos estes objetos na frente do corpo e com cuidado.

Tomada

Pino duplo redondo:

IMG_5056

Clima em Milão no inverno

É frio em Milão no inverno. Porém, até achei confortável o frio de lá nos dias que por lá estivemos. Pegamos temperatura de 4 a 7 graus e nada de chuva na nossa viagem. Foi bem tranquilo e agradável passear por Milão, mesmo no inverno. Mas anote as dicas do próximo tópico para uma viagem mais confortável.

O que levar na mala

Caso tu sejas menina, escrevi aqui sobre malas para viagem – a bagagem feminina perfeita. O legal é que deixei um check list tanto para o inverno, quanto para o verão. Leia ali, imprima a lista, que vai ajudar na hora de arrumar as malas.

Como neste tipo de viagem a gente caminha bastante, leve roupas e sapatos confortáveis.

No verão:

  • Calças leves e confortáveis;
  • Calçados muito confortáveis como tênis, sapatilhas ou até mesmo sandálias boas para caminhada;
  • Blusas ou camisetas leves e de manga curta;
  • Casaquinho, pois podem ter dias mais frescos ou mesmo para usar à noite;
  • Bermudas;
  • Vestidos, caso te agrade;
  • Protetor solar.

No inverno:

  • Calças confortáveis;
  • Blusas de manga longa finas e de lã para colocar por cima;
  • Casacos grossos;
  • Luvas, meias calças de lã ou ceroulas longas para pôr embaixo da caça, gorro, toca ou chapéu e cachecol;
  • Tênis ou botas, de preferência impermeáveis e quentes;
  • Hidratante labial e corporal;
  • Capa de chuva ou sombrinha, principalmente se estás viajando com crianças.

Quando ir a Milão

Eu não sou assim muito a favor de dizer “olha, vai em tal época para tal lugar”, tirando, claro, lugares com clima inóspito em algumas estações do ano. Isto porque há gosto para tudo nesta vida, não é mesmo? Tem gente que não gosta do frio, então, evite ir a Milão no inverno que sim, é uma cidade fria. Mas o verão europeu também pode não ser agradável, principalmente porque se anda bastante.

Nós fomos no inverno, como te contei no item acima. Estava frio, mas não deixou de ser uma viagem legal. Caso tenhas disponibilidade financeira e de férias, penso que o melhor clima é na primavera ou no outono, quando ainda não está nem tão quente, nem tão frio. Mas quer um conselho, hahahah? Vá. Anote estas dicas de o que fazer em Milão, e vá de qualquer jeito e em qualquer momento, naquele que for melhor para ti.

Quantos dias ficar em Milão

Nós ficamos dois dias inteiros e acho que este seria o tempo mínimo para aproveitar o melhor da capital do design. Porém, caso também queiras conhecer o Lago Di Como, como fizemos, eu acrescentaria mais um dia para ficar dois inteiros em Milão mesmo, e aproveitar tudo com mais calma.

Moeda

Euro. Leve euro em espécie, sempre lembrando que cartões de crédito internacionais são amplamente aceitos no local, mas vais pagar IOF na fatura depois. Aqui neste link podes verificar a cotação da moeda aí na tua cidade e ainda fazer uma proposta com valor menor. Costumo comprar ali, neste link, pois sempre consigo melhores valores que direto na casa de câmbio. Mas lembre de avisar à casa que fizeste a proposta no Melhor Câmbio para que o valor seja mantido e para receberes cupons de desconto de outros produtos via e-mail.

Língua

Italiano, não tão difícil de entender algumas coisas, mas dá para se virar muito bem com o inglês. A maioria das pessoas com quem falamos conseguiam se comunicar nesta língua. Então, não terás problema em colocar em prática o teu roteiro de o que fazer em Milão.

Monte as tuas viagens aqui

Agora que tu já sabes o que fazer em Milão, quer nos ajudar a manter o Mapa na Mão funcionando? É só usar os nossos links para planejar a tua viagem! NÃO PAGAS NADA A MAIS POR ISSO e ajudas a manter nosso trabalho de pé! E reservando com nossos parceiros, consegues ótimos preços e qualidade:

É só clicar nos quadros logo mais abaixo e pesquisar. Vou te deixar umas dicas:

Hotel ou apartamento: o Booking buscará opções para o lugar pesquisado e podes comparar preços e qualidade. Uma dica: dê uma olhada nas avaliações dos hóspedes antes de escolher. Está sem tempo ou com preguiça? Nós procuramos para ti sem custo. Ah, podes ainda fazer uma reserva com opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Então, garanta a tua reserva agora mesmo!

Aluguel de carro: site irá buscar os melhores preços em diversas locadoras, o que é muito legal. Podes pagar em real, sem a cobrança do IOF. Vais garantir carros mais baratos alugando com antecedência. Ainda, podes parcelar em 12 vezes no cartão ou pagar no boleto com 5% de desconto.

Seguro Viagem: olha só, com a Seguros Promo, utilize o nosso cupom MAPANAMAO5 e ganhe 5% de desconto. É legal cotar nas duas empresas dos quadros abaixo (Real e Seguros Promo) para escolher o melhor. Ah, e por experiência própria, os valores destes dois sites geralmente são melhores que de agências, isso porque eles cotam em várias seguradoras. O pagamento pode ser em até 12 parcelas no cartão ou com mais desconto no boleto. Ficou com alguma dúvida? Clique e leia aqui tudo sobre seguro viagem.

E mais…

Chip para celular: chegue tranquilo com o celular funcionando no teu destino. Comprando pelo link do Mapa na Mão, é só incluir o código de cupom RBBVGRATIS e não vais pagar frete! Queres saber se vale a pena ou não sair do Brasil com chip? Leia aqui tudo sobre o chip internacional da Easysim4U.

Passeios e atrações pelo mundo afora: compre antes da viagem para evitar filas, o término dos tickets e surpresas no orçamento. Temos 3 parceiros ali abaixo: Get Your Guide, Tiqets e Touron. Clique e confira!

Câmbio (compra de moeda): faça uma proposta para a agência de câmbio da tua cidade. Caso ela aceite a proposta, vais receber um e-mail confirmando. Corra para finalizar a transação e garantir o valor. Além de comprar moeda com valores melhores, no final da negociação vais receber um email com cupons de desconto para alguns produtos. Então, confirme que queres finalizar a compra através da proposta feita no site Melhor Câmbio.

Posts Relacionados

Curtidas

Uma resposta para “O que fazer em Milão em 1 dia, 2 ou mais – Itália”

  1. […] só! Como estás indo para esta cidade incrível, dá uma olhada no que escrevei aqui sobre o que fazer em Milão em 1 dia ou mais. Deixei umas dicas bem legais para ajudar na tua viagem. Espero que […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Michela
Michela
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.