ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

Curtindo o melhor de São Paulo em 1 dia – as 7 melhores atrações

publicado em: 31/01/2017 atualizado em: 31/10/2018

No final de 2016, surgiu uma viagem para São Paulo com o namorado, e eu fui sem grandes pretensões. Eu já conhecia e amava a cidade, já tive a oportunidade de passear algumas vezes por lá, mas ela nunca é demais para mim. Sabia que teria em torno de um dia para passear, e, por isso, teríamos o que selecionar o que fazer em São Paulo de acordo com nossas vontades.

Assim, eu fui elencando minhas vontades (o Eataly foi a primeira delas, haha), o namorado foi elencando outras (ele estava morrendo de vontade de ir ao Mercado Público) e assim compomos um mini roteiro por São Paulo em 1 dia bem divertido e digamos que bem clássico!

Ah! Sempre estão saindo posts novos sobre São Paulo por aqui, então, se não quiser perder nada, acompanha a gente no nosso Facebook e Instagram e assina a nossa newsletter!

Confira outros posts sobre São Paulo:

Review: Sal Gastronomia – o Restaurante do Fogaça
Roteiro em São Paulo – andando nas ruas do Banco Imobiliário!
Tour pelo Edifício Matarazzo, em SP – Gratuito e nota 10!
Rooftop em SP – The View Bar
Restaurante na Liberdade – Espaço Kazu, muito além de sushi
Esther Rooftop – o rooftop do Olivier Anquier no Centro de SP
CEPAM, padaria em SP: a maior padaria do Brasil!
Tour autoguiado de arquitetura no Centro de SP
Visita guiada à Sala São Paulo

Onde se hospedar em São Paulo

São Paulo tem diversas opções de hospedagem, para todos os gostos e bolsos possíveis. Para mim, uma das melhores regiões para se hospedar é próximo à Av. Paulista, nos bairros de Bela Vista, Jardins e Jardim Paulista. Ali há fácil acesso ao metrô, é uma região segura e há uma infinidade de opções de lazer, alimentação e compras.

Nessa região, recomendo o Meliá Paulista, no qual já ficamos. Aqui tem um review completo sobre o Meliá Paulista. Outro hotel em que já ficamos em SP foi o Holiday Inn Anhembi, o maior hotel do Brasil. Aqui tem review completo sobre o Holiday Inn.

Coloquei abaixo algumas ofertas de hospedagens em São Paulo. Boa parte delas tem reserva cancelável, então, se algo te agradar, já reserve agora para garantir. Se nada do quadrinho te agradar, é só clicar nele que vais ver todas as centenas de opções da cidade!



Booking.com

O que fazer em São Paulo em 1 dia

Meio pretensioso dizer que curti o melhor de São Paulo em 1 dia, né? Primeiro porque SP é gigante. O melhor para mim provavelmente não é o melhor para ti! Segundo porque será mesmo que o melhor cabe em um dia só? Por isso, reuni aqui nossas dicas sobre o que fazer em São Paulo em 1 dia, a partir do roteiro que fizemos! Vamos lá?

Avenida Paulista - O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

O que fazer em São Paulo: Avenida Paulista

1. Café da manhã em padaria próxima à Paulista

Acho muito legal sair para tomar café da manhã de vez em quando. Onde moro não rola esse costume, mas sempre ouvi falar do tal pão na chapa com manteiga dos paulistanos. Estávamos em um hostel sem café da manhã, então fiz o convite: partiu padaria? Haha! Nosso hostel era a poucas quadras da Paulista, e tínhamos que ir lá pela manhã. Já aproveitamos e paramos em uma padaria pelo caminho, a Cincinato Panificadora (R. Carlos Sampaio, 291 – Bela Vista).

Adorei a padaria! Preços ok (tem que lembrar que se está em uma das regiões mais caras de SP), clima de SP (cheio de engravatados e a turistona aqui de short haha) e comida muiiiiiito saborosa! Pedi um pão na chapa com manteiga (tinha que provar!) e um capuccino ma-ra-vi-lho-so. O namorado pediu uma baguete com requeijão que estava ainda melhor que o meu e uma vitamina (ele não vive sem). Uhul, nada como começar o dia como os locais!!

Outra padaria na qual estive recentemente e adorei, tanto pelo sabor, quanto pela variedade, é nada mais, nada menos do que a maior padaria do Brasil! O único problema é que fica longe da Paulista, mas aqui tem um post sobre a CEPAM caso queiras conferir.

2. Voltinha na Paulista

Continuamos nossa peregrinação na Avenida Paulista, resolvemos nosso compromisso e demos umas voltas por lá. Andamos bastante, quase cobrindo a Paulista inteira. A Paulista tem poucos km, sendo bem tranquila de ser percorrida a pé. E a todo momento tem pontos legais de se ver! Fomos até o vão do MASP e ficamos gastando um tempinho lá. Amo a vista de lá!

O passeio fica ainda mais especial se for aos domingos, quando a Paulista é fechada para carros das 10 às 18 horas. Os pedestres tomam a Paulista! O ambiente é delicioso, com muita música, muita gente praticando esportes, famílias, jovens, casais… Pela manhã e começo da tarde, a Paulista tem um clima mais familiar e não é tão cheia ainda. No final da tarde, ela já costuma estar lotada e com mais música e clima mais jovem.

Foi aí que o namorado lembrou que nas terças-feiras, dia em que estávamos lá, o MASP tem visitação gratuita! Eu nunca tinha entrado no MASP, então óbvio que quis entrar! Mas optamos por voltar mais para o fim do dia, já que havia chance de chuva para o final daquela tarde, sendo um momento melhor para um passeio em lugar fechado como o MASP. Então atravessamos a rua e pegamos o ônibus para o nosso próximo destino.

Quer saber mais sobre a Avenida Paulista? Confere esses posts:

Uma Viagem Diferente – Av. Paulista, São Paulo

Bagagem de Memórias – Free Walking Tour pela Avenida Paulista

3. Parque do Ibirapuera

Também nunca tinha entrado no Ibirapuera, acredita? Não dava para deixar para outro momento! Aí lá vem a parte chata: aquele parque, por ser grande, é perfeito para ser percorrido de bike. Mas só tem aluguel de bike em UM portão, o 4! Nós demos o azar de entrar por outro portão, até porque não sabíamos desse detalhe, e dá-lhe andar para achar esse portão 4.

Andamos cerca de 50 minutos e tivemos que perguntar umas 5 vezes para achar o bendito portão. Então fica a dica: se quiser economizar pernas, já vá direto para o portão 4! Quando achamos, maravilha: bikes em ótimo estado, aluguel descomplicado e preço amigo (preço de 2017): 5 reais a hora por bike! Ótima ideia para quem procura o que fazer em São Paulo!

Pegamos as nossas e saímos pedalando pelo Ibira. Sem pretensão mesmo, entrando onde desse vontade. Ah, dica: há alguns banheiros e bebedouros pelo parque. Foi uma mão na roda, pois estávamos com uma garrafinha de água vazia e ficávamos enchendo. Passamos uns 40 minutos pedalando e, após devolvermos as bikes, pegamos o ônibus para o nosso próximo destino.

Quer saber mais sobre o Parque Ibirapuera? Confere esses posts de blogs amigos:

Blog Viajento – Parque Ibirapuera, em São Paulo
Blog Uma Viagem Diferente – Parque do Ibirapuera, São Paulo

Ibirapuera - O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

O Ibirapuera é uma ótima opção para curtir São Paulo em 1 dia! 🙂

 

Monumento às Bandeiras - O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

Monumento às Bandeiras, em frente ao Ibirapuera

4. Mercado Municipal

Desejo do namorado! Mas eu também amei a visita, até porque só tinha ido lá uma vez, e já há mais de 5 anos, quando fui fazer o visto para os EUA. Comprei alguns temperos por lá (vale muito a pena, são muito baratos), uma salada de frutas muito gostosa e almoçamos.

Comemos os dois pratos mais típicos do Mercado: eu fui de pastel de bacalhau (gostosinho, mas a carne estava muito seca, precisava de algo a mais), e o namorado, de sanduíche de mortadela. Mais típico, impossível! Ah, almoçamos no Mortadela Brasil, no segundo piso do Mercado. O preço era bom!

Quer saber mais sobre o Mercado? Confere esses posts muito legais de outros blogs:

Blog Eu Fui – Mercado Municipal de São Paulo

Blog Bagagem de Memórias- Passeio Gastronômico no Mercado Municipal de São Paulo

Blog Marola com Carambola – Mercado Municipal de São Paulo

Blog Let’s Fly Away – O Mercado Municipal de São Paulo

O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

Mercado - O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

O que fazer em São Paulo: Mercado

O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

O que fazer em Sao Paulo: roteiro sao paulo - 1 dia pelas 7 melhores atrações

5. 25 de março

Andar na 25 não é exatamente meu tipo preferido de turismo, mas acho que é legal conhecer. Passamos por lá até porque é o caminho mais fácil para pegar o metrô, mas nem queríamos demorar muito. Eu não entendo muito de 25, então não sei o que rola comprar lá ou não. Mas, não dá para negar: é um clássico passeio paulistano! Só tome bastante cuidado com os batedores de carteira, infelizmente muito comuns por lá.

É bolsa a tiracolo cruzada na frente do corpo, com os dois braços em cima, e sem descuidar do zíper da bolsa por um segundo, haha! Homens, mãos nos bolsos com os pertences o tempo todo! Se cuidando a gente evita virar estatística 🙂 De lá pegamos o metrô a partir da estação São Bento, linha azul, e depois linha verde, para o nosso próximo ponto:

6. MASP

Apesar de já ter passado algumas vezes pela frente, nunca tinha entrado no MASP. Acho que nunca foi um desejo muito grande meu porque não sou grande apreciadora da arte. Mas valeu muito a pena! Mesmo que fosse só por entrar naquele prédio lindo já teria valido a pena.

A coleção permanente do MASP não tem paredes e é composta de várias obras de autores nacionais e internacionais organizadas cronologicamente. No meio delas, obras lindíssimas de Van Gogh, Picasso, Di Cavalcanti e Tarsila do Amaral! Mesmo para quem não entende quase nada de arte, com certeza a visita é muito válida. Há também outras exposições bem legais.

Depois do MASP, estávamos bem cansados e quisemos voltar para o hostel para descansarmos um pouco e nos arrumarmos para o Gran Finale:

7. Eataly

Amo esse lugar! Ele era meu primeiro item na lista de o que fazer em São Paulo! Até fiz um post exclusivo sobre o Eataly, que podes conferir aqui. Gastamos um bom tempinho por lá, entre jantar e ficar tirando foto e anotando tudo para o post. Fomos e voltamos para lá de ônibus e achei super tranquilo. Na ida o ônibus nos deixou um pouco longe, mas a caminhada foi deliciosa. Aquele bairro é ótimo de caminhar.

E esse foi o nosso roteiro de São Paulo em 1 dia! No fim, conseguimos fazer bastante coisa, usamos o transporte público o tempo todo, garantindo economia, e, tirando o Eataly – onde deixamos nossos preciosos dinheirinhos -, gastamos quase nada. Acabou sendo um roteiro bem paulistano também, haha! Com certeza é um roteiro que eu indico para quem estiver procurando o que fazer em São Paulo em 1 dia. Mas tem que voltar para conhecer mais da cidade, hein?

Roteiro personalizado e assessoria de viagem

Sabia que agora o Mapa na Mão faz roteiro completamente personalizado de qualquer lugar do mundo? 100% de acordo com o teu gosto, com sugestão de lugares para comer, de como se locomover e com dicas especiais! Também podemos te ajudar a encontrar hospedagem que caiba no teu gosto e bolso, além de passagens aéreas. Deixa um comentário abaixo ou nos envie um e-mail: contato@mapanamao.com. Também podes entrar em contato através de nosso Whatsapp: 48 99816-8535. Saiba mais detalhes sobre a nossa assessoria de viagem clicando no botão abaixo:

Você pode salvar este roteiro de São Paulo em 1 dia no seu Pinterest para futuras consultas, pinando a foto abaixo:

O que fazer em São Paulo: dicas de comidas e passeios baratos para curtir o melhor de São Paulo em 1 dia! Roteiro ótimo para quem tem pouco tempo na cidade.

 

SalvarSalvar

SalvarSalvar

Buscando Curtidas...

2 respostas para “Curtindo o melhor de São Paulo em 1 dia – as 7 melhores atrações”

  1. Patricia disse:

    Menina, vc conseguiu fazer tudo isso em um dia só? Hahaha …
    É um ótimo roteiro, bem paulistano mesmo. Boa escolha!
    Ah, obrigada pelos links. 💕
    Bjo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Ester
Ester
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.