Logo Mapa Na Mão

Parque Vila Velha em Ponta Grossa – PR: guia completo

publicado em: 11/03/2021 atualizado em: 11/03/2021

Saber cada detalhe do passeio no Parque Vila Velha em Ponta Grossa faz toda a diferença para aproveitar tudo o de melhor que a atração oferece.

E olha, este parque é lindo demais e vale muito a pena. Fomos e aproveitamos todos os cantinhos de lá. Por isso vou te contar tudo o que fizemos.

Vou te mostrar como são os três grupos de atrações incríveis do parque e te dar outras dicas para um passeio perfeito. Vamos lá?

LEIA TAMBÉM: malas para viagem, a bagagem perfeita.

Querido leitor – DESCONTO de 10% só aqui no blog:
O seguro viagem não pode faltar na tua viagem, mesmo para as nacionais. Uma doença, um acidente, a perda da mala, o cancelamento do voo, podem estragar as férias. E o seguro não é caro. Por isso, vale a pena.
* Brasil: aproximadamente 5 reais por dia.
* Europa: aproximadamente 20 reais por dia.
** Clique aqui e faça a cotação do seguro, sem custo. Este link já garante 10% de desconto aos leitores do Mapa na Mão.

Mas antes de te contar tudo sobre o Parque Vila Velha, que tal colocar o teu e-mail a seguir e receber todas as novidades do Mapa na Mão? Faça parte da nossa lista de amigos viajantes:

Parque Vila Velha em Ponta Grossa

Este foi o primeiro parque estadual criado no Paraná e hoje é uma das mais importantes unidades de conservação ambiental do país. É tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico do Estado do Paraná. A composição natural única no país com seus monumentos de arenito atrai os apaixonados pela natureza.

A infraestrutra é moderna e sustentável e com planejamentos de novas atrações incríveis para os próximos meses e anos. O Parque Vila Velha em Ponta Grossa oferece experiências diferentes e únicas. Vale muito a pena conhecer e contemplar.

Deixa eu te contar um pouco de cada atração.

LEIA TAMBÉM: 14 dicas para economizar em viagens

Centro de visitantes

Logo depois da entrada no parque, passando o portal, tu vais avistar o estacionamento. O valor por dia para carros é R$ 12. Vans e microônibus, R$ 18 e ônibus R$ 24.

Depois, caminhe um pouco até chegar ao centro de visitantes, onde fica a bilheteria. Há neste local banheiros e restaurante.

No restaurante, pratos individuais como frango com polenta, mignon com polenta, omelete, porções como de polenta com acompanhamentos e batata frita, lanches, sanduíches e sobremesas. Dá uma espiada no cardápio:

Lagoa Dourada

Do centro de visitantes, pegamos o ônibus até a Lagoa Dourada. Ela tem esse nome porque reflete em sua superfície um tom de ouro, conforme a incidência dos raios solares. Uma pena que o dia estava nublado e não conseguimos vê-la neste tom, mas é linda a lagoa e a natureza do seu entorno.

As águas são provenientes de fontes subterrâneas e abrigam várias espécies de peixes. A lagoa é uma furna em processo terminal de erosão. Sua extensão é de 160m por 200m e a profundidade varia entre 40cm a 5,40m.

Caminhe pelas trilhas apreciando as cores, ouvindo os sons e sentindo o perfume da natureza. É lindo o local!

Onde os ônibus deixam os visitantes há um café e banheiros.

Os ônibus saem do centro de visitantes para a Lagoa Dourada nos dias de semana às 9h20, 10h20, 11h20, 13h20, 14h20 e 15h20. Nos finais de semana e feriados é conforme a demanda.

LEIA TAMBÉM: como ter uma viagem de avião mais confortável

lagoa dourada parque Vila Velha

Furnas Parque Vila Velha

Da lagoa fomos até as furnas. Furnas são cavernas verticais ou poços de desabamento profundos. Estes do Parque Vila Velha em Ponta Grossa possuem mais de 100 metros de profundidade. As Furnas 1 e 2 estão disponíveis para visitação no parque e estão inundadas até a metade.

Essas depressões são incríveis, lindas demais! As paredes rochosas, a mata ao redor, os foços enormes e com água, olha, uma paisagem que vale muito a visita. Estando no parque, não deixe de conhecer e apreciar as furnas. Nas duas há mirantes para visualização.

Os ônibus saem do centro de visitantes para as furnas nos dias de semana às 9h20, 10h20, 11h20, 13h20, 14h20 e 15h20. Nos finais de semana e feriados é conforme a demanda.

Na parada dos ônibus há lanchonete e banheiros.

É nesta atração, nas Furnas, que estão a tirolesa e o arvorismo dos quais vou falar um pouquinho a seguir.

LEIA TAMBÉM: furto de malas, como evitar

furna Vila Velha

Arvorismo

O arvorismo do Parque Vila Velha em Ponta Grossa é muito legal. Eu confesso que fiquei com um pouco de medo e não fui, hahahaha. Mas a filha e o marido foram e se divertiram muito. Há muitos desafios diferentes, senti até invejinha de não ter ido. Mas acompanhei de baixo.

Esta atração é paga à parte e o valor eu te conto mais abaixo. É possível adquirir o ingresso lá no centro de visitantes ou no local do arvorismo mesmo, caso sintas vontade de ir estando lá.

LEIA TAMBÉM: Buraco do Padre Ponta Grossa – outra atração imperdível na cidade.

arvorismo em Ponta Grossa

Tirolesa no Parque Vila Velha

Legal demais! Na tirolesa todos nós fomos e olha, ainda bem porque é sensacional! Eu adorei. A vista da maior furna de cima é incrível. Eu te aconselho a ir, caso consigas. Assim como o arvorismo, é possível comprar o ingresso tanto na bilheteria, quanto no local. E o preço também te conto mais abaixo.

tirolesa parque Vila Velha
furnas em paraná

Olha só a vista da Furna de cima, da tirolesa. É demais!

Arenitos

Os Arenitos são uma das principais atrações do estado do Paraná e símbolo do Parque Vila Velha em Ponta Grossa. São formações rochosas esculpidas pela natureza em tom rosado devido ao cimento ferruginoso (óxido de ferro) presente na composição.

Várias rochas lembram objetos, pessoas ou animais, como camelo, leão, garrafa, gorila, índia, elefante, bota e um dos mais famosos, da foto abaixo, a taça. Aproveite para encontrar novos objetos e também para brincar com a família com todas estas formações.

Há duas trilhas disponíveis no passeio convencional pelos Arenitos. A mais curta até a taça possui aproximadamente 1 km. A partir dali, é possível continuar pela trilha, mais 1 km e 600 metros, pelo meio da mata, costeando o paredão rochoso.

Os ônibus saem do centro de visitantes para os arenitos nos dias de semana das 9h30 até às 12h, a cada meia hora, ou seja, às 9h30, às 10h e assim por diante. Depois das 13h, novamente a cada 30 minutos até às 15h30.

Já neste ponto de visitação não há lanchonetes ou banheiros, então, aproveite para comprar uma água e ir ao banheiro na atração anterior.

arenitos em Ponta Grossa
arenitos no paraná

Este aí é o ponto de ônibus próximo da taça com os horários de retorno.

Balão estacionário

Olha, tenho vontade de chorar por não termos ido ao Parque Vila Velha no final de semana. É porque o balão estacionário só funciona aos sábados, domingos e feriados. Mas deve ser muito legal ver o parque e os Arenitos do alto, em um balão, né?

Então, caso tu vás em algum destes dias, fica a dica.

O valor te conto mais abaixo.

Caminhada noturna

Eu quero voltar para fazer este passeio que deve ser muito legal. Mas caso queiras fazer também, entre em contato antes com o parque para agendar e para verificar datas disponíveis.

Esta caminhada é feita com um guia perito em constelações, planetas, astros e há auxílio de um potente telescópio. Ela só é realizada em noites de lua nova ou cheia, olha só que espetáculo! Assim, a caminhada é iluminada apenas pelos astros e as rochas ficam com uma coloração especial.

Trilha da Fortaleza

No final dos Arenitos inicia esta trilha de 16km. No caminho, os visitantes conhecem a ponta da Fortaleza, que é uma formação rochosa de 7km de extensão, atravessam o Rio Quebra Perna à pé, param em uma cachoeira para um refresco e um pic nic e terminam o passeio nas Furnas.

A trilha pode levar até 8 horas, onde há paradas para descanso, hidratação e informações sobre o parque.

O valor desta atração te conto mais abaixo. Não fizemos. Mais um motivo para voltar.

Cicloturismo

Caso queiras conhecer o Parque Vila Velha de bike sem utilizar os ônibus, podes levar a tua com cadeado. O percurso próprio para bike tem 22 km e passa pelos atrativos do parque.

Em cada atrativo há parking para cadear as bicicletas. O passeio é autopsiado e o ingresso possui valor diferenciado.

Onde ficar em Ponta Grossa

Nós ficamos no Planalto Select Hotel, que fica na região central da cidade. O hotel é muito bem localizado, confortável, limpo e aconchegante. Eu recomendo.

Eu contei tudo sobre este hotel neste post sobre onde ficar em Ponta Grossa. Confira!

  • Para reservar este hotel pelo Booking, é só clicar aqui.
  • Para reservar pelo site do hotel, clique aqui e utilize o cupom de desconto MAPANAMAO para uma tarifa especial.

Aluguel de carro

O ideal é conhecer as atrações de Ponta Grossa de carro. Caso não vás de carro próprio, sugiro então que alugues um. Clique no quadrinho laranja abaixo e confira as opções.

Alugue um carro aqui

Regras de visitação

Para preservação do meio ambiente, cuidado dos animais e segurança, é proibido:

  • levar animais domésticos,
  • entrar com alimentos ou bebidas, exceto em caso de dietas restritivas e famílias com bebês,
  • caminhar fora das trilhas,
  • jogar lixo ou restos de comida no chão,
  • alimentar-se e consumir bebidas alcoólicas nas trilhas,
  • pegar plantas, flores ou arenitos,
  • apoiar-se, subir ou riscar nas formações rochosas,
  • ultrapassar as cercas,
  • andar sem camisa,
  • alimentar animais, caçar ou pescar,
  • fumar.

Acessibilidade do Parque Vila Velha em Ponta Grossa

A trilha para a Lagoa Dourada e também a mais curta para os Arenitos são acessíveis a cadeirantes. Os outros locais do parque como as Furnas, por exemplo, também são possíveis de visitar, porém com mais dificuldade e necessidade de ajuda. Isso por enquanto, pois a concessionária está com projetos bem legais de melhorias para o parque.

Quando ir, quanto tempo dura o passeio e como ir

Podes ir o ano todo. No verão, o local é quente, mas fomos em janeiro e foi tranquilo. Vá com roupas confortáveis, frescas caso vás no verão, e sapato bem confortável para as caminhadas.

O ideal para fazer o passeio pelas atrações, aproveitar a tirolesa e o arvorismo é reservar ao menos 4 horas.

Valores e horários do Parque Vila Velha

  • Ingresso para o parque: R$ 84
  • Meia entrada: R$ 42
  • Morador de Ponta Grossa: R$ 28
  • Tirolesa: R$ 55
  • Arvorismo: R$ 35
  • Combo tirolesa + arvorismo: R$ 78
  • Balão estacionário: R$ 75 (funciona somente aos sábados, domingos e feriados
  • Caminhada noturna: R$ 85
  • Trilha da fortaleza: R$ 85
  • Cicloturismo: R$ 85
  • Estacionamento carros: R$ 12
  • Vans e microônibus: R$ 18
  • Estacionamento ônibus: R$ 24
  • Horário: de quarta a segunda, das 9h às 15h30. A permanência no parque é permitida até às 17h. Para aproveitar as atrações, é aconselhável chegar até às 13h30

Serviço do Parque Vila Velha

  • Site
  • Instagram
  • Endereço: Rodovia BR-376, Km 515 s/n Rua Silva Jardim – Vila Velha, Ponta Grossa

Espero que tenhas gostado das minhas dicas e espero também que tu reserves um dia para conhecer o Parque Vila Velha em Ponta Grossa. Vale a pena demais. E caso tenhas outras dicas ou dúvidas, deixa aí abaixo nos comentários. Vou amar.

Beijos.

Viaje por conta própria e economize muito

Planejar a própria viagem é uma forma de ter liberdade e economizar. Além disso, usando os links abaixo, sem custo adicional algum, vais ajudar a manter o Mapa na Mão funcionando. Você NÃO PAGA NADA A MAIS POR ISSO e ajuda a manter nosso trabalho de pé!

Hotel ou apartamento: Booking – compare preços e qualidade. Podes ainda fazer reserva com opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in.

Aluguel de carro: Rentcars – os melhores preços em diversas locadoras. Pague em real, sem o IOF. Carros mais baratos alugando com antecedência. Podes parcelar em 12 vezes no cartão ou pagar no boleto com 5% de desconto.

Seguro Viagem: Real – nosso link exclusivo já dá 10% de desconto. Seguros Promoutilize o nosso cupom MAPANAMAO5 e ganhe 5% de desconto. Cote nas duas e escolha o melhor. Por experiência própria, os valores destes dois sites geralmente são melhores que de agências.

Aéreo: Passagens Promo 

Outras informações para reservar tudo sozinho: monte a tua viagem sozinho 

Michela
Curtidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 16 anos e estou no terceiro ano do ensino médio. Gosto muito de ler, desenhar, pesquisar e, é claro, viajar. Quando viajo, procuro sempre conhecer a história do local. Ser fascinada por esse aspecto explica o meu grande sonho: visitar o Egito e conhecer um pouco mais dessa civilização antiga.

Eu sou a Ester. Tenho 28 anos e sou médica. Moro em Florianópolis, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.