ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

Serra do Rio do Rastro, no planalto catarinense – meu encanto

publicado em: 21/06/2016 atualizado em: 23/10/2018

Fui apresentada à Serra do Rio do Rastro, no planalto catarinense, em 1982, quando ainda não havia nenhuma infraestrutura por lá e até a estrada era de chão sem guard rail! Simplesmente assustador! Eu tinha apenas 6 anos, mas foi o suficiente para me apaixonar por este local. Hoje, depois de passados somente alguns anos, rssss, não me canso de subir a “morreba”. Sempre que dá, pegamos nosso carro e fazemos um bate-e-volta a partir de nossa cidade.

Temos muita história e muitas aventuras vividas na nossa serra. Descobrimos, inclusive, que ficamos famosos por termos batido nosso carro em uma nevasca em 1992. Explico: ao ouvirmos na tv que nevaria naquele dia (e olha só, eu nunca havia visto neve na vida, imagina a ansiedade!), pegamos o Escort (para quem não sabe o que é isso, era um carro da Ford, hehehehe) do sogro emprestado e fomos eu, o marido, a cunhada e o cunhado, duas sobrinhas, um sobrinho e uma amiguinha da família (espero que a multa já esteja prescrita). Subimos a serra e ao chegarmos em São Joaquim, nada de neve ainda. No entanto, como estava muito frio, ao anoitecer, resolvemos voltar para casa.

Na rodovia, muito gelo na pista. Meu esposo pilotava bem devagar e com muito cuidado e lá pelas tantas, viu pelo retrovisor se aproximar rapidamente um carro de polícia e lembro-me dele dizer: vixi, vai bater. E segundos depois, batata: o carro de polícia bateu na traseira do nosso carro do carro do sogro. Feitos os acertos, os policiais nos aconselharam a dormir em São Joaquim, pois estava muito perigoso descer a serra e ocorrendo muitos acidentes na pista.

Voltamos, conseguimos uma casa de família para dormir (impossível encontrar um hotel naquela altura do campeonato e essa família nos salvou) e não é que de manhã cedinho a cidade estava toda branquinha, coberta de neve? Foi uma festa e depois de muita brincadeira, voltamos para casa.

E como descobrimos que havíamos ficado famosos por este episódio? Anos mais tarde subimos novamente a serra ao ouvirmos a notícia de que poderia nevar. Com os hotéis todos lotados, mais uma vez conseguimos uma casa de família para dormir em São Joaquim. À noite, ao chegarmos na casa, sentamos ao redor do fogão à lenha com a família para conversar e, lá pelas tantas, contamos o ocorrido anos atrás. E eles assim nos disseram: o que, vocês são aquela família cujo carro foi atropelado batido pelo carro de polícia? Vocês ficaram famosos aqui!

Bom, além dessas histórias, temos muitos momentos gravados em nossa memória, pois sempre que temos a oportunidade, não perdemos tempo: subimos este que é um dos mais belos cartões postais que já vi na vida, a Serra do Rio do Rastro, que fica no planalto catarinense. Se tiver previsão de neve, então, não titubeamos. E subimos no verão e no inverno, não importa o clima, pois este é um recanto imperdível para aquele momento em que você está precisando ver paisagens lindas, se retirar da correria da cidade e de um pouco de tranquilidade.

E dependendo do tempo que temos, da disposição e do dinheiro, rsssss, às vezes vamos somente até Bom Jardim da Serra, geralmente até São Joaquim, nos aventuramos um pouco mais longe até Lages, ou subimos mais um pouquinho até Uribici. Viram só? Tem muito lugar especial para conhecer lá no planalto e também algumas festas que devem entrar no seu calendário como desculpa para subir também a linda serra: festa da maçã, festa do pinhão, entre outras.

Convido você a subir a Serra do Rio do Rastro, tanto no verão, quanto no inverno, parar no mirante em Bom Jardim para apreciar a paisagem e tirar belas fotos, ir até São Joaquim para conhecer uma das cidades mais geladas do Brasil, podendo ir um pouco mais longe até Lages, que é uma cidade maior e mais bem estruturada, ou até Uribici, onde tem o Morro da Igreja e a Pedra Furada ou Urupema – esta sim, a cidade mais gelada do Brasil. Duvido você também não se apaixonar por este lugar – lanço o desafio, depois me conta.

E como estamos no inverno, que é a época de maior movimento na serra, publicamos este post de onde comer na serra com preços, este de o que fazer por lá em um dia e este de passeios guiados pelo planalto de Santa Catarina.

Onde se hospedar no planalto catarinense:

Hotéis com boa relação custo-benefício em São Joaquim:

Hospedagem com charme em São Joaquim:

  • Pousada Serra Catarinense (clique aqui) – linda, de madeira, aconchegante, avaliada como fantástica pelos hóspedes.

Boa relação custo-benefício em Bom Jardim da Serra:

  • Pousada Charme da Serra (clique aqui) – avaliada como fabulosa e com bom preço.

Pousada Rural com ótimo custo-benefício em Bom Jardim da Serra:

  • Pousada Morro Grande (clique aqui) – avaliada como fabulosa, simples, mas num lugar bonito e com bom preço.

Hospedagem de luxo em Bom Jardim da Serra:

  • Rio do Rastro Eco Resort (clique aqui) – linda, esta pousada é avaliada como fantástica. Fica bem em frente ao mirante principal da serra.

Hospedagem para 4 pessoas:

  • Pousada Colina da Neve (clique aqui) – procuras um quarto para a família? Nesta pousada há .

Outros hotéis ou pousadas:

Caso queiras escolher outras opções, aqui consegues ver todos os hotéis e pousadas em Bom Jardim da Serra e aqui, em São Joaquim. Clique, se divirta procurando, reserve a tua hospedagem e sejas feliz num dos lugares mais lindos da Terra!


Não fique por fora das novidades e promoções do Mapa na Mão:

  • Entra lá no Facebook, curta nossa página e convide amigos para curtir também: Mapa na Mão
  • Inscreva-se em nosso canal do YouTube: Mapa na Mão
  • Siga nosso Instagram: @mapanamao
  • E inscreva-se no nosso blog ali ao lado onde está escrito: ASSINE NOSSO BLOG

Hotel ou apartamento: reserve o seu por este este no Booking.

Aluguel de carro: reserve no este.

Seguro Viagem: faça o seu este.

Olha que legal! Todos os sites acima, Booking, Rentalcar e Real Seguro Viagem, fazem cotações em diversas empresas, garantindo assim, melhores preços e opções para todos os gostos e gastos. E o melhor: reservando seu hotel, alugando seu carro, ou fazendo seu seguro pelo nosso blog, você não paga nada a mais por isso e contribui conosco para continuarmos a trazer novidades para você!

Você gosta de Santa Catarina? Que tal Nova Veneza? E Florianópolis? E o Farol de Santa Marta? E as Fortalezas da Ilha de SC? Deleite-se por este lindo estado brasileiro conosco…

Você pode salvar este texto no seu Pinterest para futuras consultas, pinando a foto abaixo:

planalto catarinense

Abraço,

SalvarSalvar

SalvarSalvar

SalvarSalvar

Buscando Curtidas...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Michela
Michela
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.