ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

Retrospectiva – as viagens de 2017 do Mapa na Mão

publicado em: 28/12/2017 atualizado em: 03/09/2018

E não é que mais um ano está chegando ao fim? Amo final de ano! Para muita gente é época de férias, de rever a família, de recarregar as energias para o ano que se aproxima… E, no caso do blog, é época de retrospectiva!

2017 foi um ano extremamente especial para o blog. Foi nosso segundo ano no ar e um ano de muito crescimento. Criamos amizades e companheirismos com outros blogueiros; entendemos que realmente amamos blogar; viajamos e nos apaixonamos cada vez mais por trazer o que aprendemos nas nossas viagens para compartilhar contigo, leitor!

Até o jeito de viajar mudou. Eu, por exemplo, comecei a me obrigar a me expor no Instagram do blog: afinal, nada melhor do que mostrar as minhas vivências durante as viagens por lá, não é mesmo?  E, apesar do meu celular insistir em consumir a bateria numa velocidade violenta, cada vez mais tenho me esforçado em mostrar o máximo em tempo real através do stories.

2017 também foi, claro, um ano de viagens! E, quase melhor do que estar nas próprias viagens, é relembrá-las: o blog nos ajuda muito com isso. Olhar para trás e ver que realizamos sonhos de viagens, e que saímos de 2017 diferente do que entramos por conta das nossas viagens, é especial demais. Bom, vamos relembrar para onde a família Mapa na Mão foi nesse ano que passou?

Ah, antes de começar: como foi teu ano, leitor? A gente tá morrendo de curiosidade! Viajou bastante no ano que passou? Já tem planos de viagem para o ano que vem? Por aqui, já tem viagem marcada para Caribe e EUA para o final de janeiro! Nos acompanhe pelas redes sociais!

Janeiro:

Imbituba e Garopaba

Na primeira semana de janeiro, curtimos algumas praias lindas aqui do Sul de SC. Não podemos negar que moramos em uma região privilegiada por vários motivos, dentre eles, pelo fato de termos muitos lugares bonitos à disposição sem precisar percorrer longas distâncias. Em um dia, fomos para a Praia da Vila, em Imbituba, famosa pela sua simplicidade e pelas suas ondas (já rolou até WCT lá!), apesar de que boa parte do mar é bem tranquilo quanto a ondas. Em outro dia fomos a Ibiraquera, também em Imbituba, famosa por se poder curtir lagoa e mar no mesmo lugar. Em outro dia, foi vez de curtir Garopaba (uma das minhas cidades de praias preferidas), com suas várias praias e vibe incrível! Confira aqui os posts produzidos:
Praias de Imbituba, Santa Catarina
O que fazer em Garopaba, SC

Praia da Vila, em Imbituba

 

Praia da Vila, em Imbituba

 

Bombinhas

Também em janeiro, passamos alguns dias em Bombinhas, uma das nossas praias preferidas. Nunca nos cansamos dessa cidade tranquila, com uma boa estrutura e várias praias e trilhas para conhecer. Nossos posts de lá já são de uma visita anterior, em novembro de 2016, mas estão bem atualizados!

Review – Bombinhas Summer Beach Hotel e Spa
Review – Bombinhas Praia Apart Hotel
Trilhas de Bombinhas, Santa Catarina
O que Bombinhas tem para fazer além das praias?

Itapema

Sempre que posso dou um pulinho em Itapema, onde o namorado veraneia. Amo aquela praia! Itapema (especificamente Meia Praia) é uma das praias com mais estrutura de SC, além de estar muito bem localizada (entre Bombinhas e Balneário Camboriú, para ser mais exata) e de ter um marzão lindo, calmo e quente. Quer mais motivos para conhecer? Preparei um guia com dicas de gastronomia, hospedagem e lazer em Meia Praia:

Guia completo de Meia Praia, em Itapema/SC

Meia Praia, Itapema

Europa (Alemanha, Bélgica, Dinamarca e Holanda)

Ainda em janeiro, começou a batalha Mapa na Mão! Se tu não acompanhou, expliquei aqui o que foi a nossa Batalha!

Em janeiro foi vez dos meus pais e irmã irem para a Europa! Eles visitaram 4 países incríveis, sendo que 3 foram inéditos. Foram à histórica Berlim, às encantadoras Bruxelas e Bruges, à inigualável Amsterdam, à chique Copenhaguem, à surpreendente Frankfurt e ao divino Castelo de Neuschwanstein. Voltaram cheios de fotos lindas, histórias incríveis e de presentes para mim também, para nooooossa alegria! Hahaha. Confere alguns dos posts:

Sugestão de roteiro pela Europa (e o destino que mais gostei!)
Voo low cost na Europa: como viajar de Copenhague para Berlim
O que fazer em Amsterdam em 2 dias
Vlogando na Europa – Amsterdam
O que fazer em Copenhague, Dinamarca, em 2 dias
Onde comer barato em Copenhague, na Dinamarca
O que fazer em Berlim em 2 dias
Roteiro de 1 dia em Frankfurt, Alemanha
Castelo de Neuschwastein, aquele da Cinderela – desta vez foi!
O que fazer em Bruges, Bélgica: roteiro de 1 dia

Copenhague, na Dinamarca

 

Castelo de Neushwanstein

Tailândia e Vietnã:

Nunca achei que conseguiria realizar o sonho de ir à Tailândia tão cedo! Na verdade, fui para lá por conta de um estágio, mas, claro, estando lá, turistei muito. Passei pouco mais de um mês por lá e pelo Vietnã. Por conta de algumas confusões com fotos, ainda há muitos posts pra sair, mas já saíram vários contando um pouco da minha experiência! Confere:

Aula de culinária tailandesa em Bangkok – muita comida e muita risada!
Chiang Mai, Tailândia – o que fazer, onde se hospedar, quantos dias ficar
Trem noturno de Bangkok a Chiang Mai: vale a pena?
Primeiras percepções sobre Bangkok
Rooftops de Bangkok: quais valem a pena? (Menu com preços!)
18 pratos tailandeses que provei por lá
Mercado flutuante de Bangkok e mercado do trem de Maeklong: valem a pena?
Passeios em Koh Phi Phi: Maya Bay vazia, nadando com plânctons e Bamboo Island

Maya Bay, a praia do filme “A Praia”, praticamente exclusiva!

 

Maya Bay

Maio

Vale Europeu

Em maio, meus pais e irmã foram passear no nosso Vale Europeu catarinense! Passearam por Pomerode e Jaraguá do Sul, tendo visto paisagens lindas e curtido a ótima gastronomia alemã! Confere:

A cidade mais alemã do Brasil – o que fazer em Pomerode
3 atrações em Jaraguá do Sul – Vale europeu catarinense
Onde se hospedar em Jaraguá do Sul – Hotel Nelo
Café Colonial Strudel Haus – uma delícia alemã em Jaraguá do Sul

Pomerode

 

Pomerode e a Osterbaum, a maior árvore com cascas de ovos do mundo!

 

Jaraguá do Sul

Julho

Brasília

Em julho, fizemos uma viagem de carro até a capital brasileira. Muita gente se surpreende quando dizemos que fomos lá, ainda mais de carro! Brasília, por conta de alguns de seus habitantes mais ilustres, infelizmente carrega uma aura pesada e injusta. Mas a nossa capital, além de trazer um planejamento urbano incomum às cidades brasileiras (e muito legal de se ver), tem um tipo de turismo muito especial.

Visitar tantos monumentos que representam a nossa democracia (e que sim, são mal utilizados de forma errada, mas os monumentos não têm culpa disso) com visitas guiadas de altíssima qualidade, ouvindo todas as histórias dos locais, e de forma gratuita, é incrível! Conhecer o projeto de Brasília, entender o por que ela foi planejada… Sem falar que só estando lá para entender metade do que o William Bonner fala no Jornal Nacional, hahaha. Recomendamos muito a visita a Brasília e a leitura dos posts abaixo:

Como se localizar em Brasília – o que eu achei da capital do Brasil
Visita guiada ao Palácio do Itamaraty – ganhou meu coração
Museu do Catetinho – história e simplicidade imperdível em Brasília
O que fazer em Brasília – nosso roteiro de 4 dias
Palácio da Alvorada – a casa do presidente em Brasília
Onde comer em Brasília: La Chaumière, um francês tradicionalíssimo
Vale da Lua, na Chapada dos Veadeiros
Onde ficar em Brasília – Allia Gran Hotel Brasília Suites

Palácio do Itamaraty

 

Vista do interior do Palácio do Itamaraty

 

Palácio da Alvorada

 

Interior do Palácio da Alvorada, a residência oficial do Presidente da República

Agosto:

Em agosto, rolou, em Blumenau e Pomerode, o primeiro Blogando no Vale Europeu, organizado pela Marcia, a nossa querida Doda, do Casa de Doda. Passeamos pela linda região do Vale Europeu Catarinense, conhecendo tudo o que Blumenau tem a oferecer. Sou fã daquela região, não nego. E, mesmo tendo um belo histórico de ida a Blumenau devido a Oktobers passadas, ainda pude conhecer várias atrações de Blumenau que eu não fazia ideia da existência! Foi incrível poder conhecer melhor a história daquela cidade marcada por muita reconstrução, trabalho e valorização da sua colonização. Te convido a conhecer o que essa região tem de melhor!

O que fazer em Blumenau – roteiro de 1 dia
Onde se hospedar em Blumenau, SC – Himmelblau Hotel
Primeiro Blogando no Vale Europeu – juntando 15 blogueiros de viagem em SC (o nosso roteiro!)
10 maneiras diferentes de curtir a Vila Germânica, em Blumenau

Vila Germânica, em Blumenau

Setembro:

Campos do Jordão

Em setembro fui a Campos com o namorado durante um final de semana. A viagem é ideal para ser feita a partir de São Paulo em um finde! Em dois dias, dá para ter uma noção bem legal da cidade e curtir um friozinho. Já tinha ido a Campos anteriormente, mas foi muito legal rever o lindo bairro de Capivari e conhecer um restaurante tão incrível como o Dona Chica. Abaixo, dois links da minha visita a Campos!

Onde comer em Campos do Jordão – Restaurante Dona Chica
O que fazer em Campos do Jordão em 2 dias

Novembro

Logo no primeiro feriado de Novembro, rolou o nosso xodozinho, o Rota Sul! O Rota Sul foi organizado pelos blogs Mapa na Mão, Viajando em 321 e Casa de Doda, e reuniu 12 blogs de viagem na região Sul de SC, tendo como base a cidade de Criciúma. Foi inesquecível e, mesmo eu, que nasci no Sul do estado, vi muita coisa nova que fez me apaixonar ainda mais pela região (e que me fez ver o quanto temos um potencial a explorar por aqui!). Confere:

Primeiro Rota Sul – Encontro de blogueiros no Sul de SC 
Restaurante em Criciúma, SC – Famiglia Angelotti, um italiano saudável
Passeios guiados na serra catarinense

Cascata da Barrinha, na Serra do Rio do Rastro

 

Serra do Rio do Rastro

São Paulo

Em novembro, foi a vez do pai e da mãe irem para SP. Eles foram até o Salão da Moto (pai é louco por motos!) e, claro, não iriam deixar de turistar, né?

Hotéis na Avenida Paulista – Meliá Paulista, uma ótima opção
Hotel em São Paulo: Holiday Inn Anhembi

O tempo todo

Florianópolis

Para quem não sabe, eu moro em Floripa! E, apesar de não haver muitos posts da cidade por aqui (porque tenho uma mania feia de querer ver tudo para então fazer um post), já há alguns (e outros no forno). Confere:

Palácio Cruz e Souza, no Centro de Floripa – contando a história de SC
Tudo o que você precisa saber para ir para Florianópolis
Fairyland Cupcakes, em Floripa – o café mais fofo que você já viu!

Palácio Cruz e Souza, no Centro de Floripa

São Paulo

Nesse ano, meu namorado foi morar em SP. Isso significa que tenho desculpas para ir frequentemente para uma das cidades que mais amo, haha! São Paulo, assim como Brasília, é uma cidade injustiçada em relação ao turismo. A cidade tem problemas de metrópole, é verdade; por lá, infelizmente, encontramos muitas ruas degradadas, muitas pessoas em situação de rua e muitos problemas com trânsito.

Mas, ainda assim, São Paulo é uma cidade de encantos múltiplos, e eu brinco que, se tu não gosta de SP, é porque ainda não encontrasse a SP que fecha com os teus gostos. Bom, mas isso é assunto para outros posts! Por enquanto, confere os posts que eu fiz nesse ano passeando por lá:

Rooftop em SP – The View Bar

Curtindo o melhor de São Paulo em 1 dia – as 7 melhores atrações

Eataly SP – Guia completo: O que vale ou não a pena?

Tour autoguiado de arquitetura pelo centro de São Paulo – como funciona?

Visita guiada à Sala São Paulo – e concerto gratuito todo domingo!

Review: Sal Gastronomia – o restaurante do Fogaça

Vista do vão do MASP

 

Paulista

 

Sala São Paulo nos concertos gratuitos de domingo

 

Monte a tua viagem aqui com o Mapa na Mão:

Agora que já viu a retrospectiva de 2017 do Mapa na Mão, podemos ajudar a preparar a tua próxima viagem? É só usar os nossos links para planejá-la! NÃO PAGARÁS NADA A MAIS POR ISSO e nós ganhamos uma pequena taxa, ajudando a manter nosso trabalho de pé! 

Hotel ou apartamento: reserve o seu por este aqui no Booking.

Aluguel de carro: reserve no aqui.

Seguro Viagem: faça o seu aqui e saiba tudo sobre seguro neste aquiPreço ótimo de acordo com nossas pesquisas.

Câmbio (compra de moeda): esta é uma novidade do blog. Através aqui, você pode encontrar a melhor cotação para a compra de moeda estrangeira. Confira!

E não fique por fora das novidades e promoções do Mapa na Mão:

  • Entra lá no Facebook, curta nossa página e convide amigos para curtir também: Mapa na Mão
  • Inscreva-se em nosso canal do YouTube: Mapa na Mão
  • Siga nosso Instagram: @mapanamao
  • E inscreva-se no nosso blog ali ao lado onde está escrito: ASSINE NOSSO BLOG

Você pode salvar este texto no seu Pinterest para futuras consultas:

 

 

SalvarSalvar

Buscando Curtidas...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Michela
Michela
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.