ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

Retrospectiva – as viagens de 2018 do Mapa na Mão

publicado em: 20/12/2018 atualizado em: 14/01/2019

2018 foi um ano de muitas viagens por aqui! Que bom olhar para trás e ver que a gente pôde colocar o pé na estrada várias vezes né? E foram tantas, mas tantas viagens, que a gente tá com muito post atrasado por aqui, haha!

Final do ano é época de reviver isso tudo para fazer uma retrospectiva de tudo que a gente viu e viveu em 2018. Eu adoro ler esse post em outros blogs, e amo fazer também! Sou saudosista e tenho memória curt, então esse post me ajuda a lembrar tudo que vivi. Vamos lá?

Ah, caso tu queira ver os stories de qualquer uma dessas viagens, todas elas estão salvas nos destaques do nosso Instagram! Sempre tento gravar tudo com detalhes, corre lá!

E, caso queiras conferir a retrospectiva do ano passado, tá aqui o post com as viagens de 2017 do Mapa na Mão!

E se não quiser perder nenhum dos posts sobre as viagens de 2018 que ainda sairão por aqui, acompanha a gente no nosso Facebook e Instagram e assina a nossa newsletter!

Retrospectiva – as viagens de 2018 do Mapa na Mão

Janeiro

O ano começou com parte da família Mapa na Mão (pai, mãe e a Lelê, filha mais nova) fazendo uma viagem para dois países devido a uma promoção de passagem aérea para México e EUA. No Caribe, as lindas praias de Cancún foram visitadas, e, nos EUA, Orlando e a surpreendentemente apaixonante Washington DC fizeram parte do roteiro. Confere abaixo todos os posts feitos sobre essa viagem:

Islands of Adventure – as melhores atrações do parque em Orlando

O que fazer em Cancún – guia completo de viagem

Os passeios de Cancún que realmente valem a pena

Compras em Orlando – quais lojas valem a pena?

Melhores atrações do Universal Studios, em Orlando

Hotéis em Orlando – onde se hospedar barato na cidade

Alexandria, Virginia – uma graça de cidade!

O que fazer em Washington DC, a encantadora capital americana

Ainda em janeiro, eu fiquei aqui pelo Brasil e também dei minhas pirulitadas a nível nacional. Fui a Joinville, cidade natal do namorado e onde de vez em quando dou uma passada. Joinville é a maior cidade do estado de SC, com forte influência germânica e conhecida por ser capital da dança. Acho a cidade uma graça e ela tem muito mais atrativos do que muita gente imagina! Confere os posts que fiz sobre lá:

O que fazer em Joinville, SC – a Capital da Dança!

Restaurante em Joinville – Recanto Gehrmann, um autêntico alemão

o que fazer em joinville palacio dos principes

Fachada do Palácio dos Príncipes

E foi em janeiro que eu saltei de paraquedas pela primeira vez! O presente de Natal de 2017 do namorado foi um salto, algo que eu queria fazer há, sem exagero, uns 10 anos, mas que nunca tinha parado para ir atrás. Saltei em Boituva, interior de SP, e foi tão bom que quero fazer de novo hahahah contei todo os detalhes do salto, inclusive com vídeo completo, no post abaixo! Coloquei também outros posts sobre São Paulo, porque estive mais vezes no ano por lá:

Tudo sobre o meu salto de paraquedas em Boituva

101 atrações e passeios gratuitos em São Paulo

Visitando a CEPAM, maior padaria do Brasil!

Passeio em São Paulo – roteiro pelas ruas do Banco Imobiliário

Por último, mas não menos importante, em janeiro rolou o incrível encontro Japão.br, promovido pela Paty do Bagagem de Memórias. O Japão.br reuniu blogueiros de viagem no bairro da Liberdade, em São Paulo, para contar a história da imigração japonesa no Brasil, comemorando os 110 anos dessa data. E que história, viu? Foi bem emocionante!

Conheci mais sobre uma cultura sobre a qual não sabia quase nada. Passei a olhar com outros olhos o bairro da Liberdade. São Paulo concentra a maior comunidade japonesa fora do Japão, sabia? Fui muito além do sushi na culinária japonesa e conheci o incrível Museu da Imigração Japonesa, que queria conhecer há tempos. Parabéns e obrigada pelo encontro, Paty!

Esse encontro ainda vai render alguns posts por aqui, mas por enquanto, podes conferir o post abaixo com uma ótima dica de restaurante na Liberdade no estilo ótimo e barato.

Restaurante na Liberdade – Espaço Kazu, muito além do sushi

Fevereiro

Em fevereiro, mais especificamente no Carnaval, fui com o namorado para Arraial do Cabo, a cidade na região dos lagos do Rio de Janeiro cujas praias arrancam suspiros de tão lindas. Como logo depois fiquei um pouco apertada na faculdade e vieram outras viagens, ainda não saiu nenhum post por aqui sobre Arraial! Mas assina a nossa newsletter porque logo logo esses posts saem!

Abril

Em abril pude participar de outro encontro que era quase um sonho meu! O Deivson, do Capixaba na Estrada, tem um projeto incrível de mostrar os atrativos do Espírito Santo através do encontro de blogueiros Pocando no ES. Tive a honra de participar da 4a edição e conhecer uma região sobre a qual eu não sabia nada: a região dos imigrantes do ES.

Que surpresa agradável! Visitei Santa Teresa e Santa Leopoldina, duas cidades muito encantadoras que merecem entrar no roteiro de todo viajante! E fiquei sabendo mais sobre essa região colonizada por italianos. Ainda há posts para sair por aqui sobre essa região (e sobre esse encontro que me fez conhecer e reencontrar tanta gente especial!), mas por enquanto podes conferir os que já saíram:

Restaurantes em Santa Teresa, na região dos Imigrantes do ES

Pousada em Santa Leopoldina – Hotel Suíça

Hotel em Vila Velha – Champagnat Praia Hotel e outras opções

Junho

Em junho, fui com o namorado em uma viagem super legal pelos EUA! Pegamos 15 dias de férias e fomos para a costa oeste. Os destinos foram Los Angeles, Las Vegas, Oregon e Yellowstone. Foi uma viagem super especial, e o Yellowstone se tornou um dos lugares mais incríveis onde já estive!

Quer ganhar dinheiro viajando? Conheça o Grabr!

Go Los Angeles Card – como economizar nas atrações de Los Angeles

Como funcionam o Bird e o Lime, os patinetes elétricos dos EUA

Yellowstone

Também em junho, meus pais e irmã foram para Foz do Iguaçu. Não foi a primeira vez deles por lá, mas Foz é tão incrível que sempre merece uma visita! Confira abaixo todos os posts publicados sobre Foz:

O que fazer em Foz do Iguaçu – Guia completo de viagem

Cataratas do Iguaçu – guia completo do passeio por lá 

Marco das Três Fronteiras e Cabeza de Vaca – 3 países, um lugar

Hotel Foz do Iguaçu – Vivaz Cataratas

Parque das Aves Foz do Iguaçu – vale a pena?

Julho

Em julho, fomos em família para Bonito! Foi nossa primeira vez por lá e decidimos ir de carro, porque se tem uma coisa que a gente ama é roadtrip! Pelo caminho, dormimos em Maringá e Cascavel, e conseguimos até dar uma  turistada em Maringá.

E Bonito dispensa comentários!! É uma cidade super gostosa e com dezenas de atrações de altíssima qualidade. Ficamos cinco dias por lá, mas daria para ficar muito mais, porque há muito o que se fazer, e cada atração tem algo que a diferencia das outras! Sem falar da gastronomia rica da cidade! Abaixo podes conferir todos os posts dessa viagem.

Boca da Onça Ecotour – parque com cachoeiras em Bonito, MS

Restaurantes em Bonito para todos os bolsos e gostos

Viagem a Bonito de carro – roteiro rodoviário até o MS

Hotel em Bonito, MS – Lucca Hotel Pousada

Onde comer em Bonito: Aipim, restaurante de raízes

Restaurante em Bonito, MS: Pantanal Grill, especialista em culinária local

Maringá Turismo – guia de viagem com dicas especiais

Dica de hotel em Cascavel

Agosto

Em agosto eu me mudei para Aarhus, na Dinamarca! Estou tendo por aqui uma experiência de seis meses por conta de um intercâmbio da faculdade. Aqui contei tudo sobre a minha mudança para a Dinamarca. E é até engraçado escrever sobre isso agora, já na reta final do estágio, com um misto de saudade de todas as pessoas que amo no Brasil, da minha rotina por lá, e um sentimento de que também vou sentir muita falta da minha vida em Aarhus e dos amigos que fiz por aqui. Bom, Aarhus é uma cidade incrível, super viva, linda, com muito que se ver e fazer e ainda sairão muitos posts sobre ela por aqui!

Aluguéis de bicicleta em Aarhus (DK) e dicas de segurança

De dentro do arco do AROS, o museu de arte de Aarhus

Setembro

Em setembro, fiz uma viagem promovida por uma instituição da minha faculdade para a Legoland de Billund, aqui na Dinamarca! Aliás, a Lego é justamente de Billund e essa é a primeira Legoland do mundo! Adorei o passeio, curti bastante o parque e tem post específico sobre a Legoland no forno, quase saindo.

Também fiz outra viagem promovida por essa instituição, mas dessa vez para Skagen, que fica bem na ponta da Dinamarca, no encontro dos Mares Báltico e do Norte. A cidade é uma gracinha, bem autêntica, dinamarquesa e com muitas opções gastronômicas, e a região tem boas atrações que rendem um belo passeio. Confere abaixo o post que fiz sobre Skagen.

O que fazer em Skagen – onde a Dinamarca faz a curva

o que fazer em skagen dinamarca

Ainda em setembro, fiz uma viagem super especial e que eu não sabia se poderia se concretizar – fiquei 10 dias passeando pela Escandinávia! Noruega e Suécia são países conhecidos por serem muito caros (a Noruega até mais do que a Dinamarca), então eu não sabia se conseguiria ir para lá. Mas flixbus existe justamente para amparar os viajantes de baixíssimo (quase negativo) orçamento, haha!

Consegui ir para Oslo, Estocolmo e Gotemburgo de ônibus. Sim, foram viagens longas, mas a maioria noturna, então eu ia dormindo no caminho inteiro, e o preço final compensou muito. No fim, foi uma viagem que ajudou a confirmar uma teoria da minha mãe de que é possível viajar mesmo para lugares que sejam caríssimos e pareçam impossíveis de visitar, com um pouco de flexibilidade, claro. Me privei de bastante coisa, mas meu orçamento ficou bem em conta! E Estocolmo entrou na lista das cidades que eu mais amo na Europa!

Confira abaixo todos os posts que já saíram sobre essa viagem (e há outros vários para sair):

O que fazer em Gotemburgo, Suécia – roteiro de 1 dia 

O que fazer em Oslo, Noruega – Guia definitivo

Como visitar as ilhas do fiorde de Oslo 

Roteiro pelas mais lindas estações de metrô de Estocolmo

fiorde de Oslo

E ainda fui presenteada com esse dia lindão de sol!

Novembro

Em novembro, fui com amigos para a ilha de Fyn, aqui na Dinamarca. Foi uma viagem super legal! Alugamos dois carros, uma casa de praia bem simpática e nos divertimos muito, além de termos nos apaixonados por Fyn. Conhecemos Odense, uma das cidades mais graciosas onde já estive (e terra natal do famoso escritor Hans Christian Andersen, autor de A Pequena Sereia), além de outras cidades pequenas. O caminho entre essas cidades parecia saído de um livro de conto de fadas, sem exagero. Quero voltar e explorar a ilha com mais tempo!

Odense

E no finalzinho de novembro, conheci Hamburgo! Queria muito ir pelo menos para uma cidade da Alemanha para aproveitar os mercados de Natal, pelos quais sou apaixonada. Fiquei dois dias por lá e logo logo saem posts sobre essa que é a segunda maior cidade da Alemanha!

Mercado de Natal da Prefeitura

Dezembro

Em dezembro, meus pais e irmã foram passar alguns dias em São Francisco do Sul. Talvez tu nunca tenha ouvido falar dessa cidade, mas deveria conhecer! Ela fica bem ao norte de SC, perto de Joinville, sendo a cidade mais antiga do estado. É extremamente encantadora, juntando belas praias a um centrinho onde é uma delícia caminhar!

O que fazer em São Francisco do Sul, SC – Guia Completo de Viagem

Pousada em São Francisco do Sul – Recanto Indaiá

cidade antiga sao francisco do sul

Daí o ano acabou, né? Não mesmo!! Porque como já diria o poeta, “só acaba quando termina” hahaha! Amanhã mesmo eu embarco para a última aventura do ano! Namorado vem me visitar e vamos para o Norte da Itália, Alsácia, Paris e Bélgica! Na Itália, vamos para Milão e Trento (onde um tio do Rodrigo mora e de onde vamos fazer base para conhecer algumas cidades da região) e na Bélgica vamos para uma cidade bem pequena no sul, onde um casal de amigos nossos mora. Alguém já foi para um desses lugares? Alguma dica? Deixa nos comentários que vai me ajudar muito! E não deixa de acompanhar a gente no Instagram, porque vou postar tudo por lá!

Espero que tenham curtido nos acompanhar em 2018! Que venha 2019 com, se Deus quiser, muito mais viagens! Tem tudo para ser um ano especial e incrível (até porque eu finalmente me formo aeeeeee hahahah). 

Beijinhos,
Ester

Curtidas

2 respostas para “Retrospectiva – as viagens de 2018 do Mapa na Mão”

  1. Avatar Vera Silva disse:

    Gostei muito do artigo do seu site, estarei acompanhando sempre. Abraços

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Ester
Ester
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.