ASSESSORIA DE VIAGENS
Search
Generic filters
Exact matches only
Filter by Custom Post Type

Waze, Google Maps, GPS – qual navegador escolher?

publicado em: 01/10/2018 atualizado em: 19/10/2018

Quando você viaja com seu próprio carro ou mesmo com carro alugado para lugares desconhecidos, ou não tão conhecidos, se vale de ferramentas eletrônicas para chegar ao seu destino. Surgidos há mais de dez anos, os incríveis navegadores portáteis hoje são levados à prateleira do esquecimento e cedem espaço aos cada vez mais precisos e atualizadíssimos aplicativos de celulares. Eu mesmo tenho em minha casa três aparelhos, embora confesse que dois aplicativos instalados no celular cumprem muito bem a função de copiloto.

Google MapsWaze, GPS e outros aplicativos facilitam a vida do motorista. A eletrônica está aí para isso. Minha experiência pessoal me mostra que GPS e aplicativos de roteamento (a exemplo do Waze) têm melhor utilidade no trânsito das cidades. Em rodovias a história é outra e o bom e velho guia rodoviário impresso conserva o seu devido valor.

Mas qual o melhor navegador?

É difícil dizer. Há sérias dúvidas e, seja qual for, eu faço a combinação com o guia rodoviário impresso. Não abro mão de meus guias rodoviários comprados há vários anos e que ainda guardam muita utilidade. Mas vamos aos detalhes…

Antes, quero convidar você a assinar nossa newsletter e receber e-mails atualizados com todas as novidades e promoções do blog. Não quer mais receber? Simples, é só sair da lista a qualquer momento. Deixe seu e-mail no campo abaixo. Não compartilhamos seus dados com ninguém, pode ficar tranquilo.

O GPS ainda serve?

O bom e velho GPS também tem seu valor. Eu mesmo tenho três aparelhos em minha casa. Sempre procurei bons aparelhos para comprar (as boas marcas sempre foram caríssimas). Verdade seja dita: os três foram presentes da Michela.

Dos três, dois deles estão desatualizados e já não funcionam tão bem, até porque tenho dado preferência ao GPS da Garmin que carrego nas minhas viagens, internacionais e nacionais. Preciso, ele me socorre em inúmeras situações onde a leitura do celular fica difícil e confusa em razão do tamanho da tela.

Mas se você vai a outro país há o inconveniente de levá-lo na mochila junto a outras tralhas eletrônicas. Não é bem um gosto ou apreço demasiado, mas uma medida econômica valiosa quando não se quer pagar uma fortuna pelo GPS que a locadora cede. Para levar o GPS na mochila, eu comprei um pequeno estojo que protege o aparelho. Cabos e suporte vão dentro da caixa original do aparelho. Tudo para protegê-los e evitar perdas financeiras.

Há desvantagens. Além de mais uma tralha eletrônica na mochila, o GPS exige atualização. Como eu não domino o assunto, acabo sempre pagando pelo serviço.

Mesmo assim continuo levando o aparelho quando viajo. Se o celular não funcionar, terei uma segunda alternativa para sair do trânsito das grandes cidades.

Lembre-se de levá-lo na bagagem de mão, como mostramos neste post sobre bagagens – o que pode ou não levar a bordo ou despachado.

Devo levar meu GPS em viagens internacionais para o uso em carro alugado?

A locadora não empresta um GPS a você. Ela aluga e o preço geralmente não é nada bom para o seu bolso.

Se você não se importa de carregar o aparelho com você e está seguro que seu aparelho terá o devido cuidado na mochila, você terá economia.

Além disso, não são todos os motoristas que se adaptam bem com a pequena tela do celular. Agora imagine você dirigindo em uma grande cidade dos Estados Unidos, da Europa ou mesmo aqui no Brasil que você não conhece. Imagine você não compreendendo absolutamente nada da língua local, prestando atenção em pedestres, trânsito, radares, semáforos e ainda dividir sua visão naquela tela minúscula do celular. Sim, eu acho isso difícil.

Então, na próxima viagem, experimente levar seu GPS com o mapa atualizado. Isso irá facilitar sua vida.

Eu consigo usar o Waze em outros países?

Sim. Mas não apenas isso.

Não há nada igual no quesito interação com outros motoristas. O Waze avisa você de ocorrências no seu trajeto, além de oferecer um número quase infinito de pontos de interesses já presentes no banco de dados da engenhoca. Congestionamentos, buracos, trânsito, acidente, é tudo lá informado. Quer ir na pizzaria tal, localizada em Berlim? Ou então, chegar ao museu da Porsche em Stuttgart? Ou no Parque do Ibirapuera em São Paulo? Basta digitar no aparelho o nome do ponto de interesse e em poucos segundos aparece lá a localização. Pronto, é só dirigir e seguir os comandos.

Nas minhas viagens, porém, percebo que o Waze não tem a precisão do GPS na localização de alguns pontos de interesse ou mesmo do endereço digitado.

O Google Maps também serve como navegador?

Sim. E é uma ótima ferramenta. Talvez, a melhor.

Tenho utilizado o Google Maps nas últimas viagens. Volte ao que eu disse a respeito do Waze e você perceberá a crítica que eu fiz. E é por isso que eu tenho usado o Google Maps, cujo roteador dará a você uma ótima precisão. Além disso, percebi que o Google Maps escolhe as rotas mais adequadas e é bem rápido na tomada das decisões.

Entre o Waze e o Google Maps, eu prefiro o Google Maps, opinião que também é compartilhada por nossa correspondente internacional, Ester.

Google Maps e Waze dependem do sinal da internet?

Pois é. Está aí o problema. Ambos, Google Maps e Waze, dependem do sinal de internet para o pleno funcionamento. Mesmo que você tenha digitado o endereço final em um dos navegadores lá na garagem da sua casa, quando ainda tem o sinal do roteador, durante sua viagem você precisará de internet para o aparelho receber o mapeamento daquela região por onde você está passando.

Pior ainda é quando você inicia uma viagem em um lugar sem sinal de internet. Aí não tem jeito. O Waze se recusa a funcionar e o Google Maps não roteia.

Essa dependência limita o funcionamento do Google Maps e do Waze e em determinadas situações o velho e bom GPS, esquecido no armário da garagem, fará muita falta.

Mas a boa notícia é que hoje em dia já é possível sair de casa com um chip internacional para uso ilimitado no exterior. Aqui contamos tudo sobre o chip da Easysim4U com internet ilimitada fora do Brasil. Se vale a pena, se é caro, se funciona, como comprar, etc. E caso queira adquirir o seu, saiba que com o nosso código promocional RBBVGRATIS você não paga frete. E isto é uma grande economia no preço do produto. Clique aqui e confira o valor do chip. Ah, e não esqueça de adicionar aquele código ali em cupom para ter direito ao frete grátis.

Google Maps funciona off line?

Funciona, embora de forma limitada. Mas o básico, que é indicar o caminho, isso ele faz e continua fazendo muito bem.

Todo este post presume que você conhece o Google Maps e que ele funciona como navegador. Certo? Bom, se você não sabe, basta baixá-lo da loja de aplicativos de seu aparelho de celular e interagir com o programa. Vou confessar, é uma ferramenta ótima e eu não sei como conseguiria viajar sem o tal programinha nos dias de hoje.

Mostro agora como funciona o Google Maps off line.

a) Primeiro, baixe o aplicativo (Google Maps) da loja de aplicativos do seu celular.

b) Segundo, abra o aplicativo na tela do seu celular.

c) Terceiro, clique nas três barrinhas laterais no canto superior esquerdo da tela, conforme foto a seguir:

usando o google maps

d) Quarto, clique em Mapas Off-line e em seguida em Mapa personalizado.

google maps em viagens

como usar o google maps

A tela que se abrirá na sequência você poderá diminuir o tamanho para reduzir o tamanho do arquivo que baixará para o seu celular. Mova o tamanho e a localização do mapa e posicione a área mais clara na sua rota. O Google Maps funcionará off-line durante o seu trajeto, mas com algumas limitações. A seguir, clique em Download e o Mapa é baixado para o seu celular.

google maps offline

Preciso levar suporte de celular para usá-lo no carro alugado?

Existe almoço grátis? Infelizmente não. Então, vai alugar um carro e decidiu usar o aplicativo do celular como navegador, não deixe de levar o suporte que você usa no seu veículo particular. Coloque-o em uma caixa de modo a não quebrá-lo.

Vou deixar uma imagem do meu suporte preferido, que uso com frequência nas minhas viagens, caso queira adquirir um. Fica como sugestão.

suporte para celular carro

 

O Google Maps só funciona como navegador ou GPS? E se eu quiser encontrar um endereço ou ponto de interesse quando estiver caminhando?

Ajuda. E como ajuda! Mas mais uma vez, será necessário contratar internet para o seu celular. Sugiro novamente que leia aqui tudo sobre o chip já comprado no Brasil.

É muito comum perder o senso de orientação em lugares desconhecidos. Você até sabe chegar ao metrô e subir a escada para encontrar a calçada. Mas e aí: para qual lado seguir? Estou certo que você estará sem orientação nesse momento e, se acertar, foi um puro golpe de sorte.

Em tais casos eu também tenho usado o Google Maps com muita frequência, o que me evita desperdiçar o precioso tempo. A única alteração para o uso do aplicativo é usar a opção pedestre. Veja as ilustrações:

a) Primeiro, clique no campo de pesquisa.

usando google maps nas ruas

b) Segundo, escreva o local de interesse. Imagine que você está a pé em São Paulo e deseja caminhar até o Parque do Ibirapuera. Antes mesmo de terminar a digitação, o destino surge na tela. Clique na opção desejada e um sinal de localização aparece na tela de seu celular.

como usar o google maps pedestre

como se localizar com o google maps

c) Terceiro, a tela que surge a seguir mostra no campo inferior a opção “rotas”, como na parte inferior da foto acima.

d) Quarto, clicando em “rotas” abrem-se novas opções para você escolher o meio de transporte (carro, bike, caminhada e transporte público). Você também pode deixar que o Google Maps use o seu local como ponto de partida ou você mesmo adiciona um outro lugar.

google-maps-pedestre

e) Quinto, mude a opção para o modo “caminhar”.

google maps ou waze

Daí para frente o aplicativo faz o roteamento até o Parque do Ibirapuera. Basta você clicar em “iniciar”

O Google Maps me ajuda a encontrar o transporte público?

Eu sempre confiro aquilo que a tela do celular irá me mostrar, mas geralmente é um ótimo indicativo do coletivo a ser buscado. Repita as operações no aplicativo até agora mostradas e selecione o ícone que representa o transporte público. Na tela abaixo eu coloquei como ponto de partida o Terminal Rodoviário do Tietê e o ponto final o Parque do Ibirapuera.

melhor navegador para viagens

Observe que há opções diferentes de horário e de meio transporte (bonde, metrô, ônibus, barco). Tenha em mente que você terá de certificar-se que o transporte público mostrado na tela realmente levará você até seu destino final. Pergunte ao motorista e/ou cobrador ou, se houver dificuldade com a língua, mostre a tela do celular com o nome de seu ponto de desembarque. Mas não esqueça que o funcionamento dependerá do sinal de internet.

Guia rodoviário impresso: voltamos à era das cavernas?

Não, não é saudosismo no auge dos meus 48 anos de idade. Meu Guia Rodoviário Quatro Rodas me acompanha mesmo em tempos modernos e está presente nas minhas longas viagens pelo Brasil e América do Sul. Lembre-se que a decisão de qual rodovia escolher é sua (e não do navegador). É isso que torna sua longa viagem prazerosa.

guia rodoviário quatro rodas

Ah, você não consegue comprar guias rodoviários porque eles sumiram das bancas de jornais? Sim, eu também procuro um que esteja atualizado. Até mais ou menos uns dez anos atrás eu renovava meu Guia Rodoviário Quatro Rodas. Atualmente, à falta de um novinho em folha, aquele guia surrado, com páginas rasgadas e consertadas com fita adesiva segue resignado no porta-luvas do meu carro cumprindo a sua nobre tarefa.

Uma coisa é certa, meu guia rodoviário sempre viaja comigo é ele que me transmite mais segurança quando o assunto é rodovias. No trânsito da cidade, a história é outra e os aplicativos de celular e o GPS são imbatíveis.

Vou viajar de carro no Brasil ou no exterior, preciso estudar a rota antes de começar a viagem?

Você deve estudar a rota. É indispensável fazer isso. Você é o dono do seu caminho e considere que o GPS e aplicativos de roteamento poderão errar.

No mês de julho deste ano (2018) nós fomos do sul de Santa Catarina até Bonito, no Mato Grosso do Sul. Ah, já convido você a ler como foi essa aventura de carro a Bonito – roteiro rodoviário até o MS. A viagem foi fantástica, mas percebi que o Google Maps me indicava um caminho sem pavimentação e com muita poeira quando eu estava na cidade de Batayporã. Minha decisão de não seguir o aplicativo naquele momento foi acertadíssima e só foi possível porque eu estava com o Guia Rodoviário Quatro Rodas no carro.

Posso guardar o cabo de força do GPS e do celular na mala?

Não. Parece óbvio, mas não esqueça do cabo de força de seu GPS e do celular. Ambos consumem muita energia e você estará em apuros se esquecê-los. Por isso, tenha o cabo de força sempre à mão. Coloque na mochila e/ou bolsa onde você carrega seus pertences essenciais.

Mas você fará ainda melhor.

Leve na viagem uma pequena caixa que possa receber cabo de celular, do GPS, adaptadores de tomada, plugs, suporte do celular, carregadores e bateria auxiliar. Concentre tudo em uma pequena caixa de papelão rígido, de forma a proteger a parafernália eletrônica e elétrica em um único lugar.

O chip de celular para usar a internet é essencial?

De dois anos para cá, o Mapa na Mão não consegue mais viajar sem internet. Não é luxo, não é vício, não é dependência. É necessidade! O blog já teve oportunidade de escreve sobre o assunto e mostramos a você como adquirir no post Chip da Easysim4u com internet ilimitada fora do Brasil: funciona?

Esteja certo que sua vida ficará bem mais fácil lá fora com o uso da internet, principalmente quando estiver utilizando o Waze ou o Google Maps. Com eles, chegar ao endereço certo fica bem mais fácil.

Quer adquirir um chip para a sua próxima viagem? Clique no quadro abaixo e confira. Não esqueça de usar o nosso código RBBVGRATIS em cupom para ter frete grátis:

Pesquise o valor do chip aqui

Então, gostou do post? Espero que sim. Se quiser fazer comentários, pedir ajuda, esclarecimentos, escreva, entre em contato com o blog. O Mapa na Mão sempre estará de braços abertos. E nos conte também como você faz para navegar por aí. Vamos adorar saber.

Roteiro personalizado e assessoria de viagem:

Sabia que agora o Mapa na Mão faz roteiro completamente personalizado de qualquer lugar do mundo? 100% de acordo com o teu gosto, com sugestão de lugares para comer, de como se locomover e com dicas especiais? Também podemos te ajudar a encontrar hospedagem que caiba no teu gosto e bolso e sem custo algum, além de passagens aéreas. Deixa um comentário abaixo ou nos envie um e-mail: contato@mapanamao.com ou mapanamaoviagens@gmail.com. Também podes entrar em contato através de nosso Whatsapp: 48 99816-8535. Saiba mais detalhes clicando no quadro abaixo, e viaje sem passar trabalho:

Monte as tuas viagens aqui:

Quer ajudar a manter o Mapa na Mão funcionando? É só usar os nossos links para a tua viagem! NÃO PAGARÁS NADA A MAIS POR ISSO e nós ganhamos uma pequena taxa, ajudando a manter nosso trabalho de pé! 

Hotel ou apartamento:
Reserve aqui pelo Booking

Aluguel de carro:
Busque aqui com a Rentcars
O site irá buscar os melhores preços em diversas locadoras, o que é muito legal.

Seguro Viagem:
Pesquise aqui com a Real Seguros Aqui com a Seguros Promo
Olha só, com a Seguros Promo, utilize o cupom MAPANAMAO5 e ganhe 5% de desconto. É legal cotar nas duas empresas para escolher o melhor. Ah, e por experiência própria, os valores destes dois sites geralmente são melhores que de agências, isso porque eles cotam em várias seguradoras. Ficou com alguma dúvida? Clique e leia aqui tudo sobre seguro viagem.

Chip para celular:
Adquira o teu chip aqui
Chegue tranquilo com o celular funcionando no teu destino. Comprando por este link ali do Mapa na Mão, é só incluir o código de cupom RBBVGRATIS e não vais pagar frete! Queres saber se vale a pena ou não sair do Brasil com chip? Leia aqui tudo sobre o chip internacional da Easysim4U.

Passeios e atrações pelo mundo afora:
GYG - várias atrações no mundo Tiqets - várias atrações no mundo Touron pelo Brasil
Compre antes da viagem para evitar filas e surpresas no orçamento.

Câmbio (compra de moeda):
Verifique a cotação aqui
Faça uma proposta para a agência de câmbio da tua cidade. Além de comprar moeda com valores melhores, no final da negociação vais receber um email com cupons de desconto para alguns produtos.

Passagens aéreas:
Várias cias aéreas no Passagens Promo

Siga nossas redes sociais lá no final do post, e fique por dentro de todas as novidades do Mapa na Mão. Abraço!

Adicione a imagem abaixo ao seu Pinterest para não perder esse post com dicas de navegadores:

qual o melhor navegador para viagens

Buscando Curtidas...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Monte sua viagem

Ou nós montamos para você

Dilamar
Dilamar
Voltar

Eu sou o Dilamar, Bacharel em Direito, viajante nas horas vagas e não vagas. Sou admirador de viagens rodoviárias, principalmente aquelas bem longas e focadas em regiões montanhosas. E também sou ciclista amador e apaixonado por motos.

Eu sou a Letícia, tenho 14 anos e sou estudante. Gosto muito de pintar quadros, escrever poemas, ler e, principalmente, viajar. Para mim, o mundo é o meu quintal.

Eu sou a Ester. Tenho 26 anos e sou estudante de medicina. Moro em Floripa, sou apaixonada por Paris e frequentadora assídua de São Paulo, mas com os pés sempre em Criciúma, minha cidade natal. Amo sair do lugar, seja por poucos metros ou por muitos quilômetros, e de todas as formas possíveis. Das mais confortáveis viagens de trem às mais insanas viagens de carro. Conhecer o desconhecido me fascina! Viajar é minha maior paixão, mas devo arriscar dizer que sou quase tão apaixonada por montar os roteiros antes de viajar quanto pela viagem em si!

Olá, eu sou a Michela, Bacharela em Direito, pós graduada em Direito Constitucional, colecionadora de ímãs e de viagens. Conheci mais de 20 países, aliás, muito mais do que um dia imaginei conseguir, e vários recantos escondidos bem aqui pertinho de mim. Se canso? Jamais. Isso só aguça ainda mais meu desejo de percorrer este mundão. O que mais amo? Deus, minha família e viajar, claro.